Tamanho do texto

Segundo o La Repubblica, "pesos pesados" do time italiano teriam pedido que Totti fosse demitido

Totti
Ansa
Segundo jornal, grupo de jogadores da Roma teria pedido a demissão de Totti.

Segundo o jornal La Repubblica, um grupo de jogadores da Roma teria pedido que Totti fosse demitido da equipe italiana. Dentre os nomes envolvidos, estariam os de De Rossi, Kolarov, Manoles e Dzeko. O grupo também pediu o desligamento do técnico Eusebio Di Francesco e do diretor Monchi. 

Leia também: Ex-Chelsea, Antonio Conte é anunciado como novo técnico da Inter de Milão

O veículo ressalta que o quarteto da Roma estaria se sentindo desconfortável com a presença de Totti no vestiário do clube. Após a publicação da informação, o presidente do clube, James Pallotta, negou a informação.

Principal nome envolvido na polêmica, De Rossi ficou magoado com o rumor e está analisando entrar na Justiça contra o jornal. Segundo Pallotta, o meia de 35 anos ficou chateado que o clube estava procurando um jogador para a sua posição, mas negou que o grupo de "pesos pesados" teria pedido a demissão do trio. 

"Eu nunca ouvi nenhum desses jogadores dizer que eles queriam que demitíssemos Di Francesco. Eles nunca vieram a mim direta ou indiretamente. Nunca ouvi nenhum deles dizer coisas negativas sobre Di Francesco", afirmou o presidente da Roma.


Leia também: Garoto é punido na Itália após abaixar o calção e fazer gesto obsceno para juíza

Em um ano abaixo das expectativas, a Roma terminou o Campeonato Italiano na sexta colocação, garantindo apenas  uma vaga para a Liga Europa. Enquanto isso, De Rossi, pivô da polêmica, não teve seu contrato renovado e deixou o clube da capital italiana após 18 anos. 


    Leia tudo sobre: Futebol