Tamanho do texto

De acordo com jornal Olé, Messi já teria comunicado seu retorno ao técnico Lionel Scaloni e deve ser convocado para os amistoso pré-Copa América

Lionel Messi volta à seleção argentina após eliminação na Copa do Mundo 2018
FIFA/ Divulgação
Lionel Messi volta à seleção argentina após eliminação na Copa do Mundo 2018

Lionel Messi deve retornar à seleção argentina em 2019. De acordo com o jornal Olé , o craque informou sobre sua volta para o treinador Lionel Scaloni e será convocado para amistosos preparatórios da Copa América e disputará o torneio no Brasil.

Leia também:  Após novos exames, PSG descarta cirurgia e Neymar deve se tratar em casa

Desde a eliminação para a França na Copa do Mundo da Rússia, nas oitavas de final, o craque do Barcelona não vestia a camisa da seleção argentina. Nesses sete meses, os comandados de Scaloni disputaram seis amistosos e venceram quatro deles.

O anúncio oficial de Messi na seleção deve ser feito apenas quando o técnico divulgar a lista de convocados para os amistosos contra Venezuela, em 22 de março, e Marrocos, em 26 de março.

Segundo o jornal, Messi tem afinidades com Scaloni e sempre manteve contato com médicos e funcionários da seleção. Após os primeiros jogos do treinador de 40 anos, o camisa 10 teria começado um diálogo sobre o futebol da equipe e decidiu retornar.

Leia também:  Higuaín rebate primeiro-ministro da Itália que o chamou de 'mercenário'

A volta de Messi foi comemorada na Argentina. Em enquete realizada pelo Olé em seu site oficial, a pergunta “O que gera o retorno de Messi para a seleção?” tem sete mil votos até o momento da publicação desta matéria e a maioria é de ‘alegria’.

Lionel Messi iniciou sua trajetória na seleção argentina em 2005, com apenas 18 anos no sub-20. Foi campeão do mundial da categoria e no ano seguinte subiu para a equipe principal.

Desde então o craque só conquistou o título da Olímpiada de 2008. Na Copa do Mundo de 2006 foi eliminado nas quartas-de-final pela Alemanha, mesma algoz de 2010 e 2014. Em 2007 a argentina perdeu o título da Copa América para o Brasil, na edição de 2011 foi eliminada pelo Uruguai e em 2015 foi vice-campeã.

Leia também:  Preparador físico do Atlético de Madrid é preso acusado de violência doméstica

A fim de mudar o panorama de derrotas com a equipe, Messi e companhia enfrentarão a Colômbia, Paraguai e o Catar pelo Grupo B da Copa América 2019. O primeiro jogo da seleção da Argentina na competição será dia 15 de novembro, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

    Leia tudo sobre: Futebol Lionel Messi
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas