Tamanho do texto

Intenção do clube espanhol era ter apresentado o atacante na inauguração do seu novo estádio, no último sábado; Diego Costa chegaria em 2018

Sem jogar desde o fim da última temporada, Diego Costa pode, finalmente, estar próximo de acertar sua transferência para um novo clube. Isso porque o jornal espanhol Marca afirmou nesta segunda-feira que o Atlético de Madri enviou uma proposta oficial ao Chelsea para fechar a contratação do atacante, que só poderia se apresentar em janeiro de 2018.

Leia também: Jogador do PSG fala mal de treinador da seleção e é vítima de extorsão; entenda

Segundo a publicação, o clube espanhol estaria disposto a desenbolsar 55 milhões de euros (cerca de R$ 205 milhões) mais R$ 37 milhões variáveis, o que tornaria Diego Costa o jogador mais caro da história dos colchoneros.

Diego Costa deve mesmo jogar no Atlético de Madri na próxima temporada
Divulgação
Diego Costa deve mesmo jogar no Atlético de Madri na próxima temporada

O atacante parou de jogar desde o fim do Campeonato Inglês passado, quando foi campeão pelo Chelsea. Isso por conta de uma rixa que tem com o técnico do time, o italiano Antonio Conte. No aguardo de uma proposta, o atleta demorou a se apresentar e a situação ficou com também com a diretoria dos Blues.

Mas a janela de transferências fechou e nenhuma proposta se concretizou e Diego se viu obrigado a voltar aos treinamentos, mesmo sabendo que não jogará no time inglês enquanto o técnico for Antonio Conte.

Leia também: Jogador argentino é condenado a mais de seis anos de prisão por abuso sexual

Uma possível contratação neste momento não muda em nada o fechamento da janela. Isso porque o Atlético de Madri estava impossibilitado de contratar por conta de uma suspensão da Fifa e, se o negócio fosse fechado, a oficialização só poderia acontecer em janeiro do ano que vem.

Loving time off 😜 #CFC #diegodiegodiego

Uma publicação compartilhada por Diego da Silva Costa 💙 (@diego.costa.19) em

Já era pra ter fechado

Apesar disso, a direitoria espanhol espera concretizar o negócio o quanto antes para evitar que qualquer outro clube contrate o jogador na próxima janela de transferências. A intenção, inclusive, era ter fechado um acordo na última sexta-feira para anunciar o brasileiro como reforço no sábado, quando inaugurou seu novo estádio.

Leia também: Quase pronto: Atlético de Madri conclui colocação de gramado em seu novo estádio

Alguns membros da diretoria esperavam a presença de Diego Costa no estádio Wanda Metropolitano, porém uma divergência sobre a porcentagem de 5% para os clubes formadores fez com que o negócio travasse.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.