Tamanho do texto

Agora em 14º na classificação, o alviverde do interior de São Paulo aguarda os resultados da rodada para sair definitivamente do Z-4

O Guarani encontrou o adversário ideal na noite desta sexta-feira, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Contra o já rebaixado Duque de Caxias, a equipe de Campinas nem precisou de muito brilho para vencer por 2 a 0 e se afastar da zona da degola da Série B, que chegou à 32ª rodada.

O resultado elevou o Bugre aos 40 pontos, agora na 14ª posição. Já o Duque continua com apenas 15 pontos ganhos, segurando na lanterna da competição. Fabinho Souza e Marcelo Macedo marcaram, no segundo tempo, os gols que garantiram a vitória alviverde.

Na próxima rodada, o Duque de Caxias enfrentará o Goiás no Serra Dourada. O Guarani receberá o Grêmio de Barueri.

O jogo

O Duque de Caxias começou melhor na partida mas a primeira chance foi criada pelo Guarani em chute de Fabinho Santos que Marcelo Carné defendeu com facilidade. A maior posse de bola da equipe da Baixada Fluminense não resultava em jogadas perigosas porque seus jogadores sempre erravam o último passe.

Aos 12 minutos, João Paulo cruzou da esquerda, Marcelo Macedo subiu mais do que a zaga e cabeceou, mas Marcelo Carné espalmou para escanteio. O Duque de Caxias respondeu dois minutos depois com um chute de Douglas de fora da área, o goleiro Emerson deu rebote e o próprio Douglas apanhou a bola e rolou para Everton bater para fora, desperdiçando uma ótima chance.

Os dois times erravam muitos passes, irritando o diminuto público presente ao estádio. Só aos 28 minutos é que o Duque de Caxias chegou com perigo. Everton Silva cruzou mas Gilcimar cabeceou por cima do travessão. O Guarani também criou uma boa chance aos 35 minutos quando Fabinho Souza recebeu na área e chutou forte para ótima defesa de Marcelo Carné. No último lance importante da etapa inicial, Everton Silva tabelou com Douglas e cruzou para Jhon que cabeceou para fora.

O Guarani voltou mais agressivo para o segundo tempo e logo aos seis minutos, Marcelo Macedo recebeu na área, conseguiu driblar o goleiro do Duque de Caxias mas perdeu o ângulo e chutou na trave. Dois minutos depois Jairo arriscou de fora da área e Marcelo Carné defendeu sem problemas.

O time da casa só chegou na área campineira aos 15 minutos em bela jogada de Erick Flores que se livrou da marcação e chutou forte para grande defesa de Emerson. Aos 21 minutos, o zagueiro Douglas que já tinha cartão amarelo fez falta violenta e foi expulso de campo.

Um minuto depois, o Guarani abriu o marcador. Marcelo Macedo invadiu a área pela direita, cruzou e Fabinho Souza apareceu para completar, sem chances para o goleiro da equipe do Rio de Janeiro. Aos 25, Marcelo Macedo quase amplia em chute que levou muito perigo. O domínio do Bugre prosseguiu e aos 39 minutos, Marcelo Macedo aproveitou o rebote de Marcelo Carné e chutou para marcar o segundo gol. Em desvantagem numérica, o Duque de Caxias tentou reagir mas encontrou muita dificuldade para agredir o adversário.

FICHA TÉCNICA
DUQUE DE CAXIAS 0 X 2 GUARANI

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data: 21 de outubro de 2011 (Sexta-feira)
Horário : 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcos Gomes da Penha (ES)
Assistentes: Vanderson Zanotti (ES) e Leonardo Mendonça (ES)
Cartões Amarelos: Everton Silva, Douglas (Duque de Caxias); Ewerton (Guarani)
Cartões Vermelhos: Douglas (Duque de Caxias)

Gols:
GUARANI: Fabinho Souza, aos 22, e Marcelo Macedo, aos 39 minutos do segundo tempo.

DUQUE DE CAXIAS: Fernando; Paulão, Vítor e Filipe Machado; Éverton Silva, Douglas, Leandro Teixeira, Erick Flores (Léo Pimenta) e Léo Rodrigues (Abedi); Jhon (Pedro Poppe) e Gilcimar
Técnico: Paulo Campos

GUARANI: Emerson; Chiquinho (Ari), Ailson, Ewerton Páscoa e João Paulo; Leandro Carvalho, Mika (Jairo), Dadá e Rodrigo Paulista (Anselmo); Fabinho e Marcelo Macedo
Técnico: Giba

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.