Tamanho do texto

Direção mantém desejo de renovação com meia após sondagens de Corinthians e Palmeiras

Douglas é o camisa 10 e o comandante do meio-campo do Grêmio
Futura Press
Douglas é o camisa 10 e o comandante do meio-campo do Grêmio
Embora tenha presença confirmada na reapresentação do Grêmio nesta quarta-feira, Douglas gera dúvida no Olímpico. A ampliação de contrato ainda não foi definida e não há certeza de que o meia poderá ser utilizado por Caio Júnior em 2012.

Mercado da Bola: fique por dentro das últimas negociações do futebol brasileiro

Há, ao mesmo tempo, assédio de Corinthians e Palmeiras. Então, a direção definiu que aceita apenas vender o camisa 10. Qualquer tipo de troca-troca está descartado. Desde, claro, que não seja possível ampliar o vínculo até 2014.

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

“Não existe nenhuma negociação em andamento. Tanto Corinthians quanto Palmeiras nos procuraram e, após darmos os números, não apareceram mais. Queremos renovar, então, para tirá-lo daqui só trazendo muito dinheiro”, disse o diretor executivo de futebol, Paulo Pelaipe.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Desta forma, a especulação de o Corinthians ceder Jorge Henrique em troca do Maestro está descartada. O que pode ocorrer, caso a prorrogação não seja acertada, é cedê-lo ao Palmeiras em troca do abatimento dos pagamentos restantes pela contratação de Kleber – os R$ 5,8 milhões foram divididos em quatro parcelas.

“Não posso dizer nem que sim, nem que não”, desconversou Pelaipe.

Representante do jogador, Bruno Paiva está em férias nos Estados Unidos. O empresário é aguardado em Porto Alegre até sexta-feira para tratar do assunto. Com contrato até 31 de dezembro, Douglas pode assinar pré-contrato com qualquer outro clube no meio da temporada. A multa rescisória dele é de R$ 50 milhões.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.