Tamanho do texto

Meia santista participou pouco do início do jogo e, com dores, não retornou para o segundo tempo

Um dos principais destaques do time do Santos ao lado do atacante Neymar e do meia Elano , Paulo Henrique Ganso não se destacou no primeiro tempo da final do Campeonato Paulista, contra o Corinthians, no estádio do Pacaembu. O jogador pouco pegou na bola nos 45 minutos iniciais e viu outros companheiros de equipe se destacarem.

Na saída para o intervalo, o jogador ainda deixou o campo reclamando de dores na coxa direita por conta de uma pancada recebida em disputa de bola com o atacante corintiano Jorge Henrique. “Muita dor, muita dor”, disse o santista aos repórteres de rádio ao se encaminhar para o vestiário dos visitantes.

Como era esperado, Ganso não retornou do intervalo e foi substituído por Alan Patrick, que teve atuação apagada no empate por 0 a 0 entre as equipes . O meio-campista titular do Santos fará exames no local lesionado para saber se tem condições de jogar contra o Once Caldas, quarta-feira, na Colômbia, pela Libertadores.

Após sentir lesão, Ganso não resistiu às dores e teve que deixar a partida
AE
Após sentir lesão, Ganso não resistiu às dores e teve que deixar a partida

Em todas as estatísticas do primeiro tempo, foram outros jogadores a se destacarem. Nos passes, por exemplo, o destaque ficou para o zagueiro Durval, com 17 passes corretos. Nos lançamentos, o melhor desempenho foi do volante Adriano, com 6 acertos. E nos desarmes, o volante Danilo e o atacante Neymar foram os melhores do Santos, com duas roubadas de bola para cada um. Os números são do Footstats.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.