Tamanho do texto

Dois deles tiveram participação decisiva na vitória por 3 a 2 sobre o Fluminense, domingo, no Engenhão

Na ausência do titular Felipe, Paulo Victor foi o goleiro do Flamengo no clássico
AE
Na ausência do titular Felipe, Paulo Victor foi o goleiro do Flamengo no clássico
O Flamengo está investindo na finalização do centro de treinamento em Vargem Grande para poder fabricar craques. A participação de revelações nas categorias de base já começa a ser uma tônica, mas, no clássico com o Fluminense , ela se fez necessária pelo excesso de desfalques, incluindo Ronaldinho Gaúcho . Foram cinco entre os 14 que atuaram. Foi a terceira vez que isso aconteceu no Campeonato Brasileiro.

Veja a classificação do Campeonato Brasileiro

As outras duas vezes foram na goleada por 4 a 0 sobre o Avaí , na primeira rodada, quando o atacante Diego Maurício marcou o último gol, e no empate em 1 a 1 com o Ceará , no qual a garotada não ajudou a resolver o resultado na ausência de Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves . Os dois jogos foram disputados em Macaé

Nos dois primeiros gols da vitória por 3 a 2 , os jovens utilizados pelo técnico Vanderlei Luxemburgo tiveram participação decisiva. Negueba chutou a bola que Thiago Neves escorou para empatar o jogo, quando o Flamengo perdia por 1 a 0, e Muralha sofreu a falta cobrada por Bottinelli , que empatou o clássico novamente, em 2 a 2.

null

Os outros jogadores das categorias de base utilizados por Luxemburgo no clássico foram o goleiro Paulo Victor , que substituiu Felipe , gripado , em cima da hora do jogo, o zagueiro Welinton , titular desde a chegada do treinador em 2010, Muralha, Diego Maurício e Negueba, que entrou na vaga de Diego. Um percentual de 35% do time que atuou.

O comandante ficou satisfeito, mas ainda quer mais. Ele usou o exemplo de Diego Maurício, que ficou um tempo afastado do time por indisciplina, mas recuperou seu espaço com alguns bons jogos. Mesmo assim, deixou a desejar no clássico, quando foi substituído por Negueba no segundo tempo.

“O Diego Maurício já tinha disputado uma bola mais ou menos contra o São Paulo e o Alex Silva reclamou dele. Aconteceu de novo (no primeiro gol do Fluminense). Tem que entrar com a alma. Não dá para negociar. Quero o Diego Maurício participativo, atento. É preciso acordar os meninos. Em futebol não é só jogar. É alma, sentimento. Eles estão no caminho certo”, disse Luxemburgo.

Contra o Palmeiras , quarta-feira, às 21h50, no Engenhão, pela 29 a rodada do Brasileiro, a cota de garotos deve diminuir, com a volta de Ronaldinho Gaúcho, que está a serviço da seleção brasileira , Aírton e Willians , que cumpriram suspensão. O Flamengo é o quarto colocado, com 47 pontos, quatro a menos do que o Corinthians , líder da competição.

Entre para a Torcida Virtual de Fla e diga o que você acha da garotada

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.