Tamanho do texto

Meia usa vitória sobre o Bangu para mostrar que elenco está comprometido e só quer receber os atrasados

Um dos jogadores mais experientes do elenco vascaíno, Felipe falou sobre o boicote à concentração antes da vitória de 3 a 1 sobre o Bangu, nesta quarta-feira, por conta dos salários atrasados. Para o meia, o empenho apresentado em campo foi a maior demonstração de profissionalismo dos jogadores.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

“A gente vai conversar com a diretoria. Nós tomamos esta decisão, mas não queremos afrontar ninguém. Sabemos também que o Vasco passa por uma situação desconfortável financeiramente. Independentemente de se concentrar ou não, o Vasco vai sempre mostrar empenho, e isso pôde ser visto aqui hoje”, disse o camisa 6 de São Januário, substituto de Juninho Pernambucano.

Leia também: Vasco derrota Bangu e lidera Grupo B da Taça Guanabara

Além de comentar a represália dos jogadores, Felipe aproveitou para alfinetar a tabela do Campeonato Carioca. Com os termômetros registrando 41º graus às 17h em Bangu, bairro mais quente do Rio, ele lembra que o atleta acaba se tornando a maior vítima.

Confira a classificação da Taça Guanabara

“Sem dúvida que prejudica. Tenho prazer de jogar futebol, mas o espetáculo poderia ser muito melhor se fosse em um horário adequado. Mas temos que acatar decisões”, criticou o jogador.

Ajude a aumentar a torcida virtual do Vasco

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.