Tamanho do texto

Ignacio "Nacho" Flores recebeu 27 tiros, e dois adultos que viajavam com ele foram feridos. Uma criança escapou ilesa

Reprodução
Homenagem do Cruz Azul a "Nacho" Flores
O ex-zagueiro mexicano Ignacio Flores, que atuou na Copa do Mundo da Argentina em 1978, foi assassinado com 27 tiros tiros enquanto viajava em sua caminhonete, conforme informaram nesta quinta-feira fontes da polícia mexicana.

O veículo de Flores foi atacado perto da meia-noite desta quarta-feira, na região de Cuernavacam, por desconhecidos que portavam armas de alto calibre. No ataque, morreu o ex-jogador do Cruz Azul, que conduzia a caminhonete, e ficaram feridos dois adultos não identificados. Uma menina de 10 anos sobreviveu sem ferimentos.

Os feridos foram atendidos em um hospital próximo. Ignacio "Nacho" Flores é irmão de Luis Flores, que como jogador atuou pelo Pumas de la Unam, do México, e pelo Sporting de Gijón, da Espanha. Ignacio nasceu em julho de 1953, na capital mexicana, e foi zagueiro do Cruz Azul na década de 1970. Ele colaborava atualmente com as categorias de base da Cruz Azul.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.