Tamanho do texto

Internacional se prepara para o jogo contra o Santos, quarta-feira, com as voltas de Guiñazu e Nei

Jogar o primeiro Gre-Nal fica marcado para qualquer jogador seja de Grêmio ou Internacional . Élton , volante do Beira-Rio, viveu essa experiência no último domingo. O time acabou perdendo, apesar da boa atuação do jovem de 21 anos. Ele já pensa na revanche, no segundo turno.

“A torcida está do nosso lado e todos sabem que terá o jogo do returno na nossa casa. Agora é começar bem essa segunda parte do campeonato e chegar no topo da tabela. Temos condições”, disse.

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

Afirmado como titular do técnico Dorival Júnior, ele só havia enfrentado o Grêmio pelas categorias de base. Não jogou nenhum dos clássicos pelo Campeonato Gaúcho deste ano, pois ainda não havia sido promovido. Quando o time B jogou o Gre-Nal, no início do ano, estava machucado.

“Perder um clássico é sempre muito ruim. Vínhamos de uma conquista importante, mas futebol é assim. O Inter foi muito superior ao Grêmio na segunda etapa”, completou.

O Inter volta a campo na quarta-feira, contra o Santos, no Beira-Rio. O volante Guiñazu volta de suspensão, mas Tinga é quem deve sair do time. Nei também cumpriu suspensão e retoma o lugar na lateral-direita. O treino da tarde de terça-feira vai definir a escalação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.