Tamanho do texto

Renato Gaúcho diz que pouco tempo de treino no Vasco prejudicou preparação do meia

Sempre que Lúcio não atuou, Renato Gaúcho escalou Carlos Alberto . Foram três jogos com atuações irregulares do meia contratado do Vasco tanto que Bruno Collaço o substituiu em dois deles. Nesta quinta-feira, uma conversa pode mudar a realidade do Grêmio contra o León, às 20h15min, pela Libertadores.

É a aposta de Douglas , o homem mais avançado do meio campo idealizado pelo treinador. Ao avaliar o desempenho do colega, o camisa 10 explicou as razões para tamanha dificuldade em apresentar o futebol vistoso dos tempos de Rio de Janeiro:

“Carlos Alberto está fazendo uma função diferente da que sabe. Ele joga praticamente igual a mim e acaba sentindo isso. Temos de conversar em campo para consertar os erros".

O “igual a mim” significa não ter responsabilidade em marcar o rival. Carlos Alberto, porém, tem a orientação de auxiliar Adilson e Fábio Rochemback a proteger a defesa. Ele se esforça em guardar posição, mas não é raro o ver na mesma faixa de campo de Douglas.

“Um deve olhar onde o outro está. Ele é um jogador de força e inteligente. Aos poucos vamos nos acertando”, disse o camisa 10.

Renato acrescenta outro detalhe que interfere na produção de Carlos Alberto: a preparação física. O técnico lembrou que as inúmeras lesões que o atleta teve no Vasco no ano passado o prejudicaram – disputou apenas nove das 38 rodadas:

“Ele treinou e jogou pouco. Aqui está readquirindo ritmo. Logo ele estará melhor”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.