Tamanho do texto

Não tem uma receita de se marcar um jogador que tem todas as capacidades possíveis em um grande dia, declarou o técnico ex-Santos, hoje no Atlético Mineiro

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861370987&_c_=MiGComponente_C

Dorival Júnior conhece bem o atacante Neymar. O treinador trabalhou com ele no Santos durante os primeiros meses do ano, mas, para a frustração dos torcedores do Atlético-MG, o técnico revelou que não há como para o camisa 11 santista - caso ele esteja em um bom dia - neste sábado, às 19h30, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"O Neymar, em um dia inspirado, não tem como marcá-lo. É complicado. Não tem uma receita de se marcar um jogador que tem todas as capacidades possíveis em um grande dia. É um jogador diferenciado, que promete muito, vai evoluir e, com a pouca idade, já chama atenção por tudo que possui", elogiou o treinador do Galo, em entrevista ao Superesportes .

Dorival elogia o atacante Neymar. Assista

Com relação ao encontro com a jovem estrela, Dorival afirmou não guardar mágoas. O principal motivo para a saída do técnico do Santos foi uma punição que ele tentou impor a Neymar e que a diretoria considerou imprópria. Para o treinador, isto já faz parte do passado.

"Acredito que (o reencontro) seja tudo dentro de uma normalidade, com muito respeito, companheirismo, amizade. Foi dessa forma que entrei no Santos e saí de lá. Não há porque polemizarmos em cima de um assunto que já é passado", desconversou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.