Tamanho do texto

Náutico segue no G-4, enquanto seu adversário é o vice lanterna da série B

Até a última rodada o Náutico sonhava com a liderança, mas a derrota diante do Bragantino afastou essa possibilidade. Apesar do revés, a esperança pode ser retomada neste sábado, às 16h20 (de Brasília) no Estádio dos Aflitos, onde o Timbu recebe o Salgueiro em um duelo de pernambucanos.

Náutico e Salgueiro já se enfrentaram quatro vezes nessa temporada. Pelo Estadual, em janeiro, houve vitória do Carcará, a única. Nas partidas seguintes o time então comandado por Roberto Fernandes goleou por 5 a 1. No primeiro turno da Série B, os gols de Eduardo Ramos e Kieza deram a vitória fora de casa.

Desde então, muita coisa mudou para as duas equipes. O Náutico segue no G-4, próximo ao topo da tabela, mas ameaçado por adversários diretos que só esperam uma distração para abocanhar a vaga.

Já o Salgueiro, que conseguiu bons resultados no início da competição, teve uma queda brusca de rendimento, trocou duas vezes de treinador e agora tenta se livrar da incômoda vice-lanterna da Série B. Com seis vitórias na competição, sendo duas sobre o virtual rebaixado Duque de Caxias, o Carcará confia em Luiz Carlos Barbieri para essa reação.

O Náutico não quer fazer com que a derrota diante do Bragantino na terça-feira se torne um obstáculo na manutenção do bom momento da equipe. Pelo menos é isso que garante o técnico Waldemar Lemos: "Nosso momento é bastante favorável, estamos produzindo um futebol bom, uma derrota lá, dentro do clima que foi, não surpreende. Agora é mais uma batalha, jogo de decisão, muito difícil. Eu não vou passar nada diferente, é a mesma coisa".

Assim como o pensamento do treinador, a equipe também não terá grandes surpresas. Os únicos desfalques são o lateral direito Peter, suspenso com o terceiro cartão amarelo, e Eduardo Ramos, que foi expulso no duelo diante do Massa Bruta.

Em suas posições entram, respectivamente, Neno e Elton, sendo que o último se recuperou de lesão na coxa esquerda e já está pronto para entrar em campo. Elton é volante de origem, mas já está acostumado a jogar mais adiantado, na armação de jogadas.

Na 100ª partida do volante Elicarlos, o Náutico conta com a força da torcida para lotar os Aflitos e manter o aproveitamento de 81% como mandante. "A presença do torcedor é fundamental para que a gente se mantenha motivado e confiante nesse Brasileirão", disse Elicarlos.

Do outro lado do confronto está o Salgueiro, que vem de duas vitórias seguidas, sobre Duque de Caxias e Paraná, e está esboçando a reação na Série B. A apenas cinco pontos de deixar a zona de rebaixamento, o pensamento é apenas um. "Temos plenas condições de sair dessa situação de risco, é esse o objetivo, estamos assimilando e vamos tentar vencer o Náutico, que é um time forte, está no G-4 há muito tempo enquanto nós tentamos sair disso", garantiu o técnico Barbieri.

Em nítida evolução, o time ainda está em processo de reformulação. Isso porque, semanalmente, anuncia listas de dispensas e contrata algumas peças para repor, sempre injetando nova energia no elenco sertanejo. Os 50 jogadores inscritos na competição, inclusive, geraram uma brincadeira na internet oferecendo uma vaga no time para quem estiver disposto a pagar determinado valor.

Dentro de campo, em relação á equipe que venceu o Paraná na terça-feira, apenas uma mudança deve ocorrer. O atacante Tiago Marabá não foi bem na última rodada e deve ceder espaço para Fabrício Ceará, artilheiro do time na Série B, que retornou de lesão na última rodada.

No entanto, Barbieri ainda precisa esperar para confirmar o time, já que o também atacante Ricardinho, autor de três tentos nas duas vitórias, sentiu o tornozelo e ainda é dúvida para a partida. "Dentro dessa situação, só divulgo o time minutos antes da partida, não dá para fazer prognósticos", cravou Barbieri.

FICHA TÉCNICA
NÁUTICO x SALGUEIRO

Local : Estádio dos Aflitos, no Recife (PE)
Data : 17 de setembro de 2011, sábado
Horário : 16h20 (de Brasília)
Árbitro : Cláudio Mercante (Asp.FIFA-PE)
Assistentes : José Vanderlei da Silva e Alcides Augusto de Lira Júnior (ambos de PE)

NÁUTICO : Gideão; Neno, Marlon, Ronaldo Alves e Jeff Silva; Everton, Derley, Elicarlos e Elton; Rogério e Kieza
Técnico : Waldemar Lemos

SALGUEIRO : Luciano; Mateus, Juninho, Alexandre e Piauí; Renê, Josa, Pio e Paulo Santos; Ricardinho e Fabrício Ceará (Tiago Marabá)
Técnico : Luiz Carlos Barbieri

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.