Tamanho do texto

Time mineiro saiu atrás no placar, mas Walter, que saiu do banco, empatou na segunda etapa

O Cruzeiro não conseguiu seu objetivo de voltar classificado de Chapecó, Santa Catarina, nessa quarta-feira. O time mineiro apenas empatou com a Chapecoense em 1 a 1 e terá que realizar o jogo da volta em Minas Gerais. Os donos da casa saíram na frente com Souza, mas Walter empatou a partida na segunda etapa.

Veja também: Atlético-MG goleia o Penarol fora de casa e se classifica

A equipe celeste abusou do direito de perder gols na primeira etapa e acabou castigada. Anselmo Ramon e Wellington Paulista tiveram boas chances, mas foi Walter, que entrou na segunda etapa, quem salvou a pátria cruzeirense e garantiu a igualdade. O jogo da volta será realizado na semana que vem, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

O jogo
A primeira grande chance do jogo foi do Cruzeiro. Wellington Paulista cruzou e achou Anselmo Ramon sozinho. O atacante girou com estilo, mas parou em boa saída de Rodolpho. Mas foram os donos da casa que abriram o placar. Em cobrança de escanteio, o zagueiro Souza subiu no terceiro andar e cabeceou com estilo para vencer o goleiro Fábio.

Anselmo Ramon teve outra grande chance na frente do goleiro da Chapecoense, mas errou a mira novamente. E a bola cruzeirense teimava em não entrar. Wellington Paulista foi outro que teve oportunidade clara, mas também desperdiçou. “Perdemos muitos gols, mas vamos fazer na segunda etapa”, disse Anselmo Ramon na saída para os vestiários.

Com o campo muito pesado, Vágner Mancini optou por voltar com Walter no lugar de Wallyson, que teve atuação apagada. E o atacante pernambucano quase marcou na primeira vez que pegou na bola, mas o chute saiu por cima.

Se estava difícil penetrar na defesa catarinense, o jeito era chutar de fora da área. Os volantes Marcelo Oliveira e Leandro Guerreiro tentaram com perigo. Mas a estrela de Walter brilhou aos 16 minutos. Diego Renan cruzou com precisão e o centroavante cabeceou para empatar a partida em Chapecó.

A Chapecoense passou a se aventurar mais no ataque e Athos obrigou Fábio a fazer boa defesa já na reta final da partida. A parada para o Cruzeiro ficou complicada no final do jogo quando Léo foi expulso por entrada violenta na intermediária. Mas já não havia tempo para mais nada e o placar ficou igual em Chapecó.

FICHA TÉCNICA- CHAPECOENSE (SC) 1X1 CRUZEIRO
Local: Arena Condá, Chapecó (SC)
Data : 11 de abril de 2012, na quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Jose Javel Silveira e Lucio Beiersdorf Flor, ambos do RS
Público : 7.085 pagantes
Renda: R$102.760,00
Cartões amarelos: William, Athos, Wanderson e Neném (CHA); Diego Renan, Marcelo Oliveira e Leandro Guerreiro (CRU)
Cartão vermelho : Léo (CRU)

Gols:
CHAPECOENSE: Souza, aos 16 minutos do primeiro tempo
CRUZEIRO: Walter, aos 16 minutos do segundo tempo

CRUZEIRO: Fábio; Diego Renan (Élber), Léo, Victorino e Everton; Leandro Guerreiro, Marcelo Oliveira e Montillo; Wallyson (Walter), Anselmo Ramon e Wellington Paulista (Roger)
Técnico: Vágner Mancini

CHAPECOENSE: Rodolpho; Fabiano, Leonardo e Souza (Dema); Eliomar; Wanderson, Diogo Roque, Neném, Athos e William (Rafael Mineiro), João Paulo (Éber)
Técnico : Itamar Schulle

Confira outros resultados da Copa do Brasil nesta quarta-feira:

*Coritiba 3 x 0 ASA
*Grêmio 3 x 0 Ipatinga
ABC 1 x 1 Vitória
Penarol-AM 0 x 5 *Atlético-MG
Bahia de Feira 2 x 5 *São Paulo
Ceará 2 x 2 Paraná
*Goiás 4 x 3 América-MG
Remo 2 x 1 Bahia
Sport 1 x 4 *Paysandu

*Classificados para as oitavas de final da Copa do Brasil

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e comente a partida contra a Chapecoense

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.