Tamanho do texto

Com grande atuação de Neymar, o melhor da partida, Brasil venceu o México por 2 a 0 e está nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018

Neymar Brasil México
FIFA/ Divulgação
Neymar Brasil México

O Brasil segue viva na busca pelo hexacampeonato mundial. Nesta segunda-feira (2), a equipe comandada pelo técnico Tite sofreu, mas conseguiu se impor diante do México  e conquistou a vitória por 2 a 0 que a garantiu nas quartas de final da Copa do Mundo . Os gols da partida foram marcados por Neymar e Roberto Firmino .

Leia também: Brasil se impõe no segundo tempo, bate México e vai às quartas de final da Copa

O grande destaque do Brasil na partida foi Neymar. O camisa 10 da seleção fez a sua melhor partida nesta Copa, marcou o primeiro gol da partida e deu um grande passe que deixou Firmino sozinho para anotar o segundo. Outro destaque foi o forte sistema defensivo. Thiago Silva e Miranda fizeram, novamente, uma partida muito segura.

Veja as notas e avaliações dos jogadores do Brasil

Equipe do Brasil unida antes de começar a partida
Reprodução/Fifa.com
Equipe do Brasil unida antes de começar a partida

Alisson - Nota: 6 

Deu susto logo no primeiro lance da partida. O goleiro saiu mal do gol, errou a bola na hora de tentar afastar de soco e ela parou nos pés de Lozano, mas a defesa consegiu bloquear o chute. Depois, a defesa bloqueou as melhores chances mexicanas e o arqueiro quase não teve problemas.

Fagner - Nota: 5

Jogou bem os primeiros cinco minutos de partida. Depois, foi ladeira abaixo até o final do primeiro tempo. Perdido na marcação, tanto Vela quanto Lozano criaram as melhores chances do México pelo seu lado. Não participou na criação das jogadas pelo lado direito, que ficou muito debilitado sem o apoio do lateral. Foi mais ao ataque na segunda etapa, quando quase deu uma assistência para Paulinho.

Thiago Silva  - Nota: 7,5

Muito bem na marcação, tanto pelo alto quanto pelo chão. Teve que cobrir os laterais que não estavam no mesmo nível defensivamente, mas fez isso com a categoria de sempre.

Miranda - Nota: 7,5

Teve uma atuação muito parecida com a do seu parceiro de zaga. Muito seguro e sem demonstrar nenhum nervosismo, teve muita classe para desarmar os adversários e sair jogando com toques rápidos para os companheiros. Ganhou todas as jogadas pelo alto contra os atacantes mexicanos.

Filipe Luís - Nota: 6,5

Sem funcionar como uma opção no ataque, o lateral ficou muito mais preso na marcação, mas também não foi bem. Os pontas rápidos usaram a velocidade para conseguir boas jogadas de linha de fundo, principalmente durante os contra-ataques.

Casemiro - Nota: 7

Teve um trabalho muito grande para cobrir os laterais e dobrar a marcação no lado de campo. Conseguiu fazer muito bem a sua função: marcar. Bloqueou vários chutes que poderiam levar perigo ao gol brasileiro. No entanto, errou alguns passes na saída de bola e se afobou em certos momentos, tentanto o lançamento longo.

Paulinho - Nota: 6,5

Bem na marcação durante toda a partida, subiu muito ao ataque na primeira etapa, mas não conseguiu criar nenhuma boa chance. Depois do intervalo, ficou mais preso e apenas subiu nos momentos corretos, aparecendo como um verdadeiro elemento surpresa. Quase marcou em chute na marca do pênalti, mas Ochoa fez boa defesa.

Neymar e Paulinho comemoram juntos primeiro gol da seleção brasileira contra o México
André Mourão/MoWA Press - 2.7.18
Neymar e Paulinho comemoram juntos primeiro gol da seleção brasileira contra o México

Coutinho - Nota: 6,5

A partida mais sumida do meia brasileiro até o momento. Sempre bem marcado, foi muito previsível na hora de tentar de se livrar dos zagueiros, tentando levar para a perna direita e arriscar de loge.

Leia também: Memes de Brasil x México "entopem" a internet após classificação; veja melhores

Willian - Nota: 8

Jogando aberto pelo lado direito, foi muito previsível no primeiro tempo. Sempre que tinha a possibilidade, levava com velocidade para a linha de fundo e tentava um cruzamento forte e rasteiro. Na primeira vez que se deslocou e apareceu pelo meio, recebeu grande passe de Neymar e serviu o atacante para abrir o placar. Defensivamente foi muito bem, ajudando Fagner, que estava com dificuldades contra os jogadores de velocidade mexicanos.

Gabriel Jesus - Nota: 5,5

Novamente muito apagado. Quase não apareceu dentro da área e apenas pegou na bola quando se deslocava para abrir espaço na lateral do campo. No lance do gol brasileiro, se esticou e não alcançou a bola. Sorte que Neymar estava lá para completar.

Neymar - Nota: 8,5

A melhor partida do camisa 10 da seleção nesta Copa do Mundo. Mesmo ainda muito preso no lado esquerdo, foi um verdadeiro pesadelo para os marcadores mexicanos daquele setor. Fez grandes dribles e boas jogadas de linha de fundo. No lance do gol, limpou a marcação, tocou de calcanhar para Willian e apareceu na área para completar a jogada. No final da partida, fez grande jogada e deu uma assistência para Firmino apenas empurrar para o gol vazio.

Fernandinho - Nota: 6

Entrou no lugar de Paulinho e se limitou a cumprir os espaços no sistema defensivo, já que o Brasil estava com a vantagem no placar. Não fez nenhuma jogada de destaque.

Firmino - Nota: 7,5

Entrou no lugar de Coutinho para dar mais presença de área ao time, e isso deu certo em apenas dois minutos. O atacante mostrou grande oportunismo e posicionamento para aproveitar cruzamento de Neymar e marcar o segundo gol do Brasil.

Firmino completa cruzamento de Neymar para marcar o segundo gol
Divulgação/Fifa.com
Firmino completa cruzamento de Neymar para marcar o segundo gol

Marquinhos - Nota: sem nota

Entrou no lugar de Willian bem no final da paretida. Quase não tocou na bola.

Tite - Nota: 8

Para fugir da velocidade rápida do México pelos lados do campo, o treinador montou um esquema muito forte de marcação, que deu muito certo. Dando maior liberdade para Neymar, Tite fez orientações precisas sobre o posicionamento do lado direito, quando os adversários criaram boas jogadas em parte do primeiro tempo. Teve estrela ao colocar Firmino aos 40 minutos do segundo tempo e o atacante marcar um gol apenas dois minutos depois.

Leia também: Favorita Bélgica enfrenta o Japão para se manter 100% e por vaga nas quartas

Qual foi o principal destaque do Brasil na partida desta segunda-feira contra o México? Deixe a sua opinião nos comentários abaixo.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.