Tamanho do texto

Belgas querem confirmar favoritismo diante da única representante asiática que ainda segue na Copa; quem passar enfrenta Brasil ou México nas quartas

As seleções de Bélgica e Japão se enfrentam nesta segunda-feira, às 15h, no horário de Brasília, na Arena Rostov, pelas oitavas de final da Copa do Mundo . Os belgas se classificaram em primeiro com 100% de aproveitamento no Grupo G e os japoneses em segundo no Grupo H, com quatro pontos e segunda pior campanha entre os 16, perdendo apenas para a Argentina.

Leia também: Brasil reencontra o "freguês" México para seguir firme no caminho do hexa

Seleções de Bélgica e Japão se enfrentam às 15h desta segunda-feira (2) na Arena Rostov
Divulgação/Fifa.com
Seleções de Bélgica e Japão se enfrentam às 15h desta segunda-feira (2) na Arena Rostov

O vencedor do duelo entre Bélgica e Japão enfrentará quem passar do jogo entre Brasil e México, que acontece quatro horas antes. Os europeus são favoritos, já que, além de serem um dos candidatos ao título, venceram os três jogos e um deles foi contra a Inglaterra (1x0). Já o único representante asiático no Mundial só passou por ter levado menos cartões amarelos que o Senegal.

Esta será a terceira vez que a seleção belga tentará chegar as quartas de final de uma Copa, já que conseguiu em México 1986 e Brasil 2014. A principal esperança está em Lukaku, artilheiro dos Diabos Vermelhos. O jogo deve ser aberto e muito ofensivo, pois a Bélgica deve ir para cima. O técnico Roberto Martínez diz, no entanto, que o foco não deve ser a posse.

"Eu não estou preocupado com o fato do Japão poder tirar a bola de nós. O que importa é neutralizar seus pontos fortes e eu considero que o mais importante é saber fazer o que faz com a bola. Não vamos focar na posse", ponderou o treinador.

Pelo lado japonês, o que eles querem é ao menos compensar a derrota para o Paraguai em 2010 e passar das oitavas. Após perder para a Polônia por 1 a 0 e quase se desclassificar, o técnico Akira Nishino deve voltar para a formação inicial da Copa. A ideia será atacar pelos lados para surpreender a Bélgica. Sobre a ideia de a partida ser decidida nos pênaltis, o comandante foi enfático.

"Em minhas experiências anteriores como treinador em clubes e seleção nacional, não tive nenhum treinamento de pênaltis, porque não podemos criar a tensão real dele nos treinos. Eu gostaria de decidir a partida antes de uma disputa de pênaltis". Quem também falou na conferência de imprensa foi o zagueiro Sho Shoji: "Viemos aqui para fazer uma nova história. Vou enfrentar Romelu Lukaku e vou jogar contra ele com o coração forte", afirmou.

Leia também: Rússia segura a favorita Espanha e, nos pênaltis, garante vaga nas quartas

Ficha técnica de Bélgica x Japão (Oitavas de final)

Data: Segunda-feira, 2 de julho, às 15h (horário de Brasília)
Local: Arena Rostov
Árbitro: Malang Diedhiou (Senegal)
Prováveis escalações

Bélgica - Thibaut Courtois, Jan Vertonghen, Vincent Kompany e Toby Alderweireld; Axel Witsel, Kevin De Bruyne, Yannick Carrasco e Thomas Meunier; Dries Mertens e Eden Hazard; Romelu Lukaku. Técnico: Roberto Martínez.

Japão - Eiji Kawashima, Hiroki Sakai, Maya Yoshida, Gen Shoji e Yuto Nagatomo; Makoto Hasebe e Gaku Shibasaki; Genki Haraguchi, Shinji Kagawa e Takashi Inui; Yuya Osako. Técnico: Akira Nishino.

Leia também: Neymar fala mais uma vez sobre choro utilizando vídeo de Leandro Hassum

Quem vencer a partida entre Bélgica e Japão irá enfrentar Brasil ou México, na sexta-feira, dia 6, às 15h. Na sua opinião, quem irá se classificar? Deixe seu comentário abaixo.

    Leia tudo sobre: futebol