Tamanho do texto

Atacante voltou a treinar com bola após lesão, mas separado dos demais jogadores – que treinaram cobranças de pênaltis; Marcelo faz fisioterapia

Seleção brasileira começou nesta sexta-feira preparação para as oitavas de final da Copa do Mundo
Lucas Figueiredo/CBF - 29.6.18
Seleção brasileira começou nesta sexta-feira preparação para as oitavas de final da Copa do Mundo

Após ganharem descanso no dia seguinte à vitória por 2 a 0 contra a Sérvia, os jogadores da seleção brasileira deram início nesta sexta-feira (29) à preparação para o jogo contra o México, válido pelas oitavas de final da Copa do Mundo .

O grande fato do dia foi o retorno de Douglas Costa, que ficou fora do último jogo da seleção brasileira na fase de grupos do Mundial devido a uma lesão na coxa. O atacante foi a campo e treinou com bola separado dos demais atletas, acompanhado por um dos fisioterapeutas da seleção. 

Já o lateral Danilo está recuperado e treinou com bola junto ao grupo de atletas que ficaram no banco ou entraram no decorrer da partida contra a Sérvia. Marcelo, que deixou o campo logo no início do jogo contra os sérvios após sentir dores na coluna, segue fazendo tratamento na fisioterapia.

O treino desta sexta-feira para os jogadores considerados titulares da seleção consistiu em  atividades regenerativas com o preparador físico Fábio Mahseredjian, alongamento e uma corrida em volta do gramado. Já os demais atletas fizeram trabalho técnico-tático em campo reduzido, com dois times de quatro jogadores e a participação dos goleiros.

No fim da atividade, os jogadores também treinaram cobranças de pênaltis, o que pode ser decisivo de agora em diante na Copa do Mundo.

Leia também: Raio-X da Copa: Tite é quem menos mudou o time; incerteza marcou fracasso alemão


Casemiro prega cautela com "surpresas" de Osório no México

O volante Casemiro concedeu entrevista coletiva após a atividade e projetou um desempenho melhor da seleção agora que a "ansiedade" da primeira fase ficou para trás. "Estamos crescendo dentro da competição. A evolução vai ser melhor ainda nessa próxima fase", prometeu.

Sobre o adversário dessa segunda-feira, o jogador do Real Madrid exaltou a capacidade do técnico do México, Juan Carlos Osório, e disse preferir enfrentar um adversário mais ofensivo. "Se eles tiverem a proposta de querer jogar, vai ser melhor para o Brasil. O treinador deles é muito esperto. Tenho certeza que ele vai querer surpreender", disse o volante, que evitou detalhar que tipo de "surpresa" o Brasil espera por parte dos mexicanos.

Casemiro rechaçou o rótulo de que o Brasil é favorito contra os mexicanos e citou a eliminada Alemanha como um exemplo de que o favoritismo não significa garantia de bons resultados. "Se nós perdermos esse jogo, nós vamos perder fazendo um grande jogo. Porque nós estamos preparados. Tenho certeza que nós vamos fazer o máximo para isso", afirmou.

A seleção brasileira volta a treinar na tarde desse sábado (30) e, à noite, a delegação embarca para Samara, local do jogo contra o México. As duas seleções se enfrentam às 11h de segunda-feira (2) e o vencedor enfrentará nas quartas de final a seleção que se classificar no confronto entre Bélgica e Japão.

Leia também: Vantagem verde e amarela: relembre todos os confrontos entre Brasil e México

    Leia tudo sobre: futebol