Tamanho do texto

Hit nas redes sociais, mascote oficial da seleção brasileira foi transformado em 'coxinarinho pistola' por mineira conhecida pela receita do 'Neyxinha'

'Coxinarinho pistola' é recheado com frango e 'catupiródio', segundo sua criadora, Shirley Candido
Reprodução/Instagram - @shicandido
'Coxinarinho pistola' é recheado com frango e 'catupiródio', segundo sua criadora, Shirley Candido

O canarinho com semblante enfezado adotado pela CBF como  mascote oficial da seleção brasileira na Copa do Mundo – o popular 'canarinho pistola' – cansou-se da vida de meme e decidiu entrar para o ramo da culinária. 

Na verdade, quem decidiu por ele foi a mineira Shirley Candido, dona de um ateliê gastronômico em Governador Valadares que tornou-se famosa na internet após criar o 'Neyxinha', a versão coxinha do camisa 10 da seleção. E se engana quem acha que a diferença entre as receitas da coxinha do Neymar e do canarinho pistola está apenas no formato: a primeira iguaria contém "ousadia, alegria e catupiry", enquanto a mais nova criação de Shirley tem como recheio "frango e catupiródio", conforme ela mesmo descreveu.

"Se depois dessa o hexa não vier, eu nem sei que que eu faço!", brincou a criadora do 'coxinarinho pistola', como ela mesma batizou. "Ele grita gol enquanto espuma revolta pela realidade do seu país", introduziu Shirley.

Leia também: Tite anuncia Miranda como capitão e manutenção do time contra Sérvia

A novidade de seu ateliê foi revelada ao mundo no início desta semana e já somou mais de 10 mil curtidas no Instagram e mais de 5,6 mil compartilhamentos no Facebook. A medir pelas reações dos internautas, o 'coxinarinho' já é um sucesso maior que o seu antecessor, o 'Neyxinha', que colecionou 3,7 mil curtidas no Instagram.

Na Rússia, a versão não-gastronômica do 'canarinho pistola' também tem feito sucesso, embora não de maneira unânime: o mascote oficial da seleção foi barrado por seguranças do hotel onde a delegação brasileira está hospedada, em Moscou, para a partida dessa quarta-feira (27) contra a Sérvia.

Leia também: Herói improvável: goleiro que parou CR7 já foi até gari e chegou a dormir na rua


Relembre também o 'Neyxinha':


    Leia tudo sobre: futebol