Tamanho do texto

Jogador colombiano foi expulso nos no início da partida contra o Japão

O meio-campista da seleção da Colômbia Carlos Sánchez , que foi expulso na derrota de sua seleção contra o Japão , estaria recebendo ameaças pelas redes sociais, informou nesta quarta-feira (21) a emissora BLU Radio .

Leia também: Com gol à la Ronaldinho e expulsão relâmpago, Japão bate Colômbia e faz história

Sánchez foi expulso no início do jogo da Colômbia contra o Japão
Fifa/Divulgação
Sánchez foi expulso no início do jogo da Colômbia contra o Japão


Sánchez, de 33 anos, foi expulso logo aos três minutos da partida contra a seleção japonesa, pelo grupo H da Copa do Mundo, após colocar a mão na bola dentro da área. Com um jogador a menos, a Colômbia não conseguiu bater o Japão, e acabou perdendo por 2 a 1.
Segundo a emissora, a polícia colombiana já está investigando o caso, tentando identificar as origens das ameaças contra o atleta.

Leia também: Filha de James Rodriguez chora com derrota da Colômbia na Copa

Um caso semelhante aconteceu com a seleção colombiana na Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos. Na ocasião, o zagueiro Andrés Escobar marcou um gol contra na derrota por 2 a 1 contra a equipe norte-americana, selando a eliminação da Colômbia na primeira fase da competição. Logo após o Mundial, o jogador recebeu diversas ameaças e foi assassinado em Medellín, aos 27 anos.

Após esse assassinato de Escobar, qualquer tipo de ameaça a pessoas públicas em rede social são investigadas pela polícia colombiana. A Colômbia tentará buscar a primeira vitória na Copa do Mundo diante da Polônia, neste domingo (24), em Kazan.

Gol à lá Ronaldinho Gaúcho

Mesmo com a derrota, a Colômbia marcou um gol muito comentado no jogo contra o Japão. Quintero, chegou a empatar a partida com um gol de falta, à lá Ronaldinho Gaúcho, que viralizou na internet e virou meme.

Quintero marcou aos 39 minutos do primeiro tempo para a seleção colombiana. Em batida de falta da meia direita, o meio-campista cobrou por baixo da barreira e surpreendeu o goleiro Kawashima, que ainda tentou salvar, mas não conseguiu e deixou a bola entrar.

Leia também: Gol à lá Ronaldinho Gaúcho da Colômbia vira meme nas redes sociais

Vale lembrar que a Colômbia entrou em campo como favorita, mas logo aos 5 minutos do primeiro tempo, Sanchez colocou a mão na bola dentro da área, foi expulso e Japão abriu 1 a 0.

    Leia tudo sobre: Futebol