Tamanho do texto

Barbara Gerneza entrevistou alguns torcedores para saber o que eles pensam sobre a presença de um estrangeiro na seleção russa

Mário Fernandes é um dos jogadores brasileiros que estão jogando a Copa do Mundo de 2018, mas não pela seleção canarinha . O lateral defende a Rússia, dona da casa que entrou em campo na estreia desta quinta-feira (14) contra a Arábia Saudita. A exemplo do que tem feito com a camisa do CSKA Moscou, mostrou que está em grande fase e participou de boas jogadas, recuperando a posse de bola, adiantando o jogo e levando perigo ao gol adversário. Não por acaso o time russo venceu o jogo por um elástico placar de 5 a 0, surpreendendo até os torcedores mais otimistas.

Mario Fernandes é um dos jogadores brasileiros que joga por outra seleção
Reprodução
Mario Fernandes é um dos jogadores brasileiros que joga por outra seleção

Vendo a atuação de Mário Fernandes , muitos pensam que ele é um dos ídolos do time, mas não é bem assim. Barbara Gerneza, a correspondente russa do IG Esporte na Copa do Mundo de 2018, conversou com alguns torcedores russos para saber o que eles achavam da presença do jogador na seleção da Rússia. Assista ao vídeo. 



Alguns torcedores nem sabiam quem o lateral era, outros não se importam muito com sua presença, para eles o que importa é o resultado. "Eu acho que não deve ter limite para jogadores bons", disse um rapaz. "Mário tem que comprovar essa confiança que estamos dando para ele", opinou outro homem.  

Leia também: "Eu estou em outro país", diz brasileira que mora na Rússia

Há também aqueles torcedores que confiam mais em Mário pelo fato de ele ser brasileiro. "Nossas jogadores russos não merecem estar na nossa seleção, é sério", polemiza um torcedor. "Acho que isso [a presença do lateral] é bom porque faltam bons jogadores na Rússia, com a técnica para o time se destacar. Se ele jogar pelo sistema da Rússia e se ainda tem algo brasileiro no sangue, ele pode ser melhor do que os outros", explica outro. 

Leia também: Russa dá dicas de pontos turísticos incomuns para visitar durante a Copa

Pois é, os russos podem até não conhecer Mário Fernandes , mas o jogador parecia saber muito bem o que queria. O lateral chegou a recusar a seleção brasileira em 2011, quando foi convocado por Mano Menezes para jogar um amistoso. Cinco anos depois conquistou a cidadania russa, quando já jogava pelo CSKA Moscou, time do país. Começou a jogar na seleção ano passado. 


    Leia tudo sobre: Futebol