Tamanho do texto

Treinador da seleção alemã, a atual campeã da Copa do Mundo, fez algumas proibições aos seus atletas

Joachim Low proibiu os jogadores de terem relações sexuais durante a Copa 2018
Reprodução
Joachim Low proibiu os jogadores de terem relações sexuais durante a Copa 2018

O treinador da Alemanha, Joachim Low, fez algumas exigências aos seus jogadores para a Copa do Mundo de 2018. De acordo com informações do jornal The Sun , durante o evento na Rússia, atletas da equipe não poderão fazer sexo. No entanto, vão poder consumir bebidas alcoolicas.

Leia também: Estudo aponta Alemanha como favorita para vencer Copa do Mundo

Segundo a publicação, para que os jogadores da Alemanha não fiquem distraídos, eles não vão poder ter relações sexuais enquanto o Mundial estiver acontecendo. Dentre os prós e contras, o técnico afirmou que "o time é mais importante que o ego". Os convocados poderão ver suas esposas, filhos e namoradas, mas somente após aprovação.

Enquanto o sexo foi proibido , o álbool foi permitido. Joachim Low vai deixar que os homens bebam cerveja ou vinho, em quantidades moderadas, obviamente. Por fim, uma das últimas condições impostas por Joachim Low foi o uso da internet. O comandante alemão proibiu a seleção nacional de tirar fotos do hotel e do vestiário da equipe. Caso ainda algo vaze nas redes sociais, os jogadores correm o risco de expulsão.

Leia também: Sem Götze, Alemanha divulga lista de 27 pré-convocados para a Copa do Mundo

Favoritos ao título

Seleção da Alemanha nas Eliminatórias para Copa do Mundo de 2018
DFB/DIVULGAÇÃO
Seleção da Alemanha nas Eliminatórias para Copa do Mundo de 2018

Economistas do gabinete chefe de investimentos do UBS Global Wealth Management realizaram uma análise e apontaram a Alemanha como a grande favorita a conquistar a Copa do Mundo de 2018. Segundo os profissionais que participaram do estudo, a  seleção alemã  tem cerca de 24% de chances de conquistar o pentacampeonato mundial na Rússia. O Brasil, com 19,8%, vem como o segundo país com maiores possibilidades de título na Copa do Mundo. O "pódio dos favoritos" é encerrado com a Espanha, que tem 16,1% de acordo com os economistas.

Leia também: Frustrado por não jogar Copa do Mundo, Sandro Wagner se aposenta da Alemanha

A pricipal favorita ao título está no Grupo F, ao lado de Suécia, Coreia do Sul e México. O retrospecto da preparação para o torneio é muito positivo. Além de ser a atual campeã da Copa do Mundo, a  Alemanha venceu os 10 jogos que disputou nas Eliminatórias da Europa, terminando na liderança do grupo C com 30 pontos conquistados, 43 gols marcados e apenas três sofridos.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.