Tamanho do texto

Velho Lobo compareceu à Granja Comary, no Rio de Janeiro, para dar incentivo e conversar com jogadores convocados e comissão técnica

 Mário Zagallo foi duas vezes campeão do mundo como jogador, uma como treinador e outra como auxiliar técnico
Reproduçao TV Globo
Mário Zagallo foi duas vezes campeão do mundo como jogador, uma como treinador e outra como auxiliar técnico


Bicampeão do mundo como jogador nas edições de 1958 e 1962, Mário Jorge Lobo Zagallo foi também o vencedor da Copa do Mundo de 1970, como treinador. Hoje, aos 96 anos de idade, o ídolo da seleção brasileira fez uma visita à comissão técnica e jogadores, que se concentram na Granja Comary, no Rio de Janeiro, para o Mundial russo.

Leia também: Piada? Rival do Brasil na Copa, Sérvia anuncia convocados em posto de gasolina

A visita de Zagallo na concentração da seleção nacional foi feito à convite da CBF. A presença do Velho Lobo foi marcada por uma conversa com os convocados e também com a comissão técnica. O ex-treinador buscou motivá-los na busca do hexacampeonato. "Já está no meu pensamento e no deles. Vamos trazer essa Copa'', afirmou aos jornalistas.

Zagallo também não economizou elogios ao atual treinador da equipe brasileira. ''Depois que ele assumiu o cargo, trouxe novas esperanças. E essas esperanças nos levam ao título'', disse. Ele e Tite já haviam se encontrado anteriormente, quando o ex-Corinthians foi ouvir experiências a respeito da condução da seleção em um Mundial. O encontro aconteceu, inclusive, na companhia de Carlos Alberto Parreira, que levou o Brasil ao tetracampeonato em 1994. Na ocasião, Zagallo era também o auxiliar técnico.

Leia também: Belgas farão 10 minutos de silêncio pela ausência de Radja Nainggolan na Copa

Planejamento da seleção brasileira 

Neymar participa de treino da seleção brasileira na Granja Comary
Lucas Figueiredo/CBF - 22.5.18
Neymar participa de treino da seleção brasileira na Granja Comary

Apenas Marcelo e Casemiro, do Real Madrid, e Roberto Firmino, do Liverpool, ainda não estão com a seleção devido à final da Liga dos Campeões da Europa, que será disputada entre os dois clubes neste próximo sábado (26). Para suprir a ausência desses atletas, Tite chamou seis  jogadores das seleções de base que exercerão a função de 'dublês'  dos convocados durante esta semana de treinamentos em Teresópolis. 

Participam do treino da seleção brasileira os goleiros Álisson, Ederson e Cássio; os zagueiros Marquinhos, Pedro Geromel, Thiago Silva e Miranda; os laterais Filipe Luís, Danilo e Fagner; os meio-campistas Fred, Fernandinho, Renato Augusto, Paulinho e Philippe Coutinho; e os atacantes Gabriel Jesus, Neymar, Willian, Douglas Costa e Taison.

Leia também: CBF recorre à Fifa para tentar liberar jogadores da 'lista de espera' da seleção

Já 'abençoados' por Zagallo , a seleção brasileira treinará na Granja Comary só até sábado (26) e embarcará no dia seguinte no Aeroporto Internacional do Galeão com destino a Londres, onde a preparação para a Copa terá continuidade. O grupo comandado por Tite fará, em sua última etapa de preparação para o Mundial, amistosos contra a Croácia no dia 3 de junho, em Liverpool, e contra a Áustria, no dia 10, em Viena.



    Leia tudo sobre: futebol