Tamanho do texto

Goleiro foi titular ao longo de quase toda a campanha que levou seu país ao torneio na Rússia, além de ter sido o camisa 1 no Mundial de 2014, no Brasil

Apesar de estar decepcionado, goleiro do West Ham mostrou apoio aos atletas que jogarão a Copa pela Inglaterra
Divulgação/joehartofficial.com
Apesar de estar decepcionado, goleiro do West Ham mostrou apoio aos atletas que jogarão a Copa pela Inglaterra

O goleiro Joe Hart foi a ausência mais comentada na lista de convocados da Inglaterra para a Copa do Mundo de 2018. Ele foi titular ao longo de quase toda a campanha que levou seu país ao torneio na Rússia, além de ter sido o camisa 1 no Mundial de 2014.

Leia também: Polêmica! Sorteio da Copa 98 foi manipulado para favorecer a França, diz Platini

Em publicação no Instagram, o goleiro se disse decepcionado por ser deixado de fora da Copa pelo treinador Gareth Southgate. Apesar disso, o jogador do West Ham mostrou apoio aos atletas que vão compor o elenco da Inglaterra no  torneio.

"Não vou mentir, estou decepcionado. Depois de dois anos tentando fazer o melhor em uma situação realmente difícil, é difícil aceitar. Estou orgulhoso de ter jogado todos os minutos para classificar a seleção e de ter tido um papel realmente importante neste resultado. Sei o que eu levei ao time, mas isso é o que é. Boa sorte para o time lá. Os jogadores sabem que, mesmo que eu não esteja já, vestirei minha camisa da Inglaterra como torcedor desta vez, torcendo o tempo todo. Não temam, vão e arrebentem", publicou Hart.

Leia também: Cristiano Ronaldo lidera Portugal e quer fazer história na Copa

A convocação da seleção inglesa não inclui Hart nem entre os jogadores que substituirão outros em caso de lesão. Para esta função foi escalado Tom Heaton, goleiro reserva do Burnley. Os atletas da posição chamados entre os 23 foram Jordan Pickford, do Everton, Jack Butland, do Stoke City, e Nick Pope, titular do Burnley.

De acordo com informações da imprensa local, o desabafo de Hart teria sido destinado ao técnico David Moyes, que o deixou de fora das três últimas rodadas da Premier League. Para ele, este periodo foi crucial para a decisão dos convocados.

Mais insatisfação

Meia do Arsenal, Jack Wilshere também reclamou de não ter sido convocado nas redes sociais. O jogador publicou no Twitter que merecia estar entre os convocados por conta de suas atuações ao longo da temporada.

Leia também: Novo estudo contraria economistas e coloca Brasil como favorito na Copa

"Estou naturalmente incrivelmente desapontado por ter sido deixado de fora do time da Inglaterra para a Copa do Mundo. Senti-me em forma, afiado e forte durante toda a temporada e acredito que deveria estar no time e ter a chance de ter um impacto real. Tenho que respeitar a decisão do técnico, e gostaria de desejar a todo o grupo o melhor na competição. Sempre serei um torcedor da Inglaterra e estarei apoiando os garotos com o restante do país" disse o jogador.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.