Tamanho do texto

Atletas de Joachim Low podem deixar a Rússia com uma bonificação e tudo vai depender da campanha da equipe na Copa do Mundo de 2018

Os jogadores da Alemanha podem voltar pra casa com uma bela bolada como prêmio da Federação
Reprodução/Twitter/FifaWorldCup
Os jogadores da Alemanha podem voltar pra casa com uma bela bolada como prêmio da Federação

Os jogadores da seleção da Alemanha vão ter mais um motivo para querer ganhar a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Conforme informou a Federação Alemã de Futebol nesta quarta-feira (13), os atuais detentores do título irão receber uma bonificação caso conquistem o pentacampeonato. Segundo a entidade, cada jogador da equipe de Joachim Low pode desembolsar ainda mais 350 mil euros, valor equivalente a R$ 1,3 milhão.

LEIA TAMBÉM: Entre jovens e experientes, os novatos que podem brilhar na Copa do Mundo 2018

Quando venceram a Copa no Brasil, em 2014, cada atleta da seleção recebeu 300 mil euros. Desta vez, o time da Alemanha só vai receber algum bônus caso avance às quartas de final. Antes disso, nada feito. Mas caso passem pelas oitavas, cada jogador irá tirar 75 mil euros (R$ 290 mil). Se forem às semis, 125 mil euros (R$ 484 mil) e se chegarem à grande final e forem derrotados, receberão 200 mil euros cada um deles. Ou seja, ainda voltarão para casa com R$ 775 mil.

"A oportunidade da equipe nacional de fazer história e defender o título da Copa do Mundo é uma grande motivação para os jogadores. Isso entraria na história e valeria um bônus especial. Mas é importante deixar claro que é o desafio esportivo e não o prêmio financeiro o que mais importa para os atletas", disse o presidente da Federação Alemã de Futebol, Reinhard Grindel.

LEIA TAMBÉM: Os 5 jogos imperdíveis e os 5 menos atrativos da primeira fase da Copa 2018

Copa das Confederações

Em julho de 2017, na cidade de São Petesburgo, na Rússia, a seleção alemã conquistou pela primeira vez a Copa das Confederações. Mesmo com um time considerado alternativo, sem as suas principais estrelas, venceu o favorito Chile por 1 a 0 e levantou a taça. Na ocasião, cada jogador tirou 50 mil euros a mais, cerca de R$ 193 mil.

LEIA TAMBÉM: A seleção com 11 bons jogadores que não veremos na Copa do Mundo de 2018

Copa do Mundo 2018

Vencer na Rússia faria com que a seleção de Joachim Low faça parte das únicas equipes nacionais que já venceram dois eventos seguidos, ao lado da Itália (1934-38) e Brasil (1958-62). A Alemanha é componente do Grupo F da Copa de 2018 e vai enfrentar México, Suécia e Coreia do Sul.

Clique e baixe o 365Scores para ter resultados, dados, notícias, tempo real, vídeos e muito mais