Tamanho do texto

Mesmo sem poder contar com Diego Cavalieri, Ronaldinho e Fred, time carioca confia em manter a pequena vantagem criada pela suada vitória da semana passada, no Maracanã


Enderson oriente jogadores durante treino no Mangueirão
Nelson Perez/FluminenseF.C.
Enderson oriente jogadores durante treino no Mangueirão

O técnico Enderson Moreira não é do tipo que lamenta desfalques. Sem Diego Cavalieri, Ronaldinho e Fred no decisivo confronto com o Paysandu, nesta quarta-feira, às 19h30, no Mangueirão, ele crê na vantagem criada pela suada vitória (2 a 1) no Maracanã. E aposta na entrega do Fluminense em busca, ao menos, do empate para avançar às quartas de final da Copa do Brasil.

Leia mais: Botafogo trabalha para vencer concorrência e renovar com Willian Arão

Além dos astros, a equipe tem mais sete baixas. Pelo Brasileiro, o desempenho fora do Rio não é dos mais animadores: três vitórias, um empate e seis derrotas. Se depender de Lucas Gomes, esse retrospecto mudará a partir desta quarta. Natural de Bragança, no Pará, e torcedor do Remo na infância, o atacante comemora a oportunidade de jogar em "casa". Ele será uma das novidades da desfalcada equipe.

“É sempre bom jogar em casa. A gente consegue rever a família, e isso é importante. Já fiz alguns jogos contra o Paysandu. É difícil, mas temos plenas condições de vencer. Joguei no Mangueirão apenas contra o Paysandu, que mais uma vez será o adversário. Foi pela Tuna Luso. Saímos vitoriosos e espero que pelo Fluminense seja assim também”, disse Lucas Gomes ao "Globoesporte.com".

Enderson Moreira ainda não sabe quando poderá escalar a força máxima do Fluminense novamente. O técnico acompanha a distância a recuperação dos jogadores que permaneceram no Rio. Ronaldinho deve ser a principal novidade contra o Atlético-MG, domingo, no Maracanã, pelo Brasileiro.

Leia mais: Flamengo e Vasco disputam classificação na Copa do Brasil em clima tenso

Preservado nas duas últimas partidas, o apoiador tem respondido bem ao trabalho de recondicionamento físico. Em recuperação de uma lombalgia, o goleiro Diego Cavalieri terá uma semana decisiva para confirmar a volta ao time contra os mineiros.

Fred, vítima de uma lesão muscular, é carta fora do baralho, Wellington Silva segue no mesmo caminho. Osvaldo, que se recupera de lesão na coxa esquerda, tem chance de ser relacionado, assim como Gerson.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.