Tamanho do texto

Goleiro, que fez várias defesas contra o Bahia, pode jogar com uma touca de proteção contra o Fluminense

O goleiro Rafael sofreu um corte profundo no supercílio após uma dividida com o meia Carlos Alberto na vitória do Santos por 2 a 1 diante do Bahia , e está com oitos pontos no local. Mesmo assim, o jogador pediu para jogar o duelo contra o Fluminense nesta quarta-feira, na Vila Belmiro.

“Estarei em campo. Foram oito pontos, mas nós faremos uma proteção e vamos para o jogo. Só não pode bater outra vez porque aí vai abrir de novo”, afirmou o goleiro santista.

Siga o Twitter do iG Santos e receba notícias do time em tempo real

Apesar da vontade de Rafael de estar em campo contra o Bahia, o departamento médico do clube ainda não liberou o atleta. O médico Mauricio Zenaide declarou que o jogador poderá atuar com uma touca de borracha para proteger os pontos.

“O corte foi realmente grande, foi costurado pelos médicos. Esse tipo de corte tem que esperar alguns dias para passarmos uma posição. Vamos ver amanhã (terça-feira). Para corte na cabeça nós usamos uma touca de borracha, que ela adapta bem nesses casos. Caso exista a possibilidade dele jogar, vamos usar a touca. Mas vamos esperar uma posição da comissão técnica”, disse Zenaide ao iG .

Entre para a Torcida Virtual do Santos e convide seus amigos

Após uma grande atuação contra o Bahia, Rafael sofreu o corte no final do primeiro tempo. Depois de receber atendimento médico no gramado, o goleiro demonstrou estar com tontura, mas continuou até o término da primeira etapa. Porém, o jogador não voltou para o segundo tempo e foi substituído por Vladmir no intervalo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.