Tamanho do texto

Má fase do goleiro não muda pensamento do meia, que não marca há um mês e diz estar com saudade dos gols

Renato comemora seu último gol pelo Fla
AE
Renato comemora seu último gol pelo Fla
Com a entrada de Aírton no time, Renato vai ter mais liberdade para chegar ao ataque, mas claro sem descuidar da marcação. A expectativa é que as bombas voltem a sair do seu pé esquerdo já no próximo jogo do Flamengo , quarta-feira, contra o São Paulo , às 21h50, no Engenhão, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

iG Flamengo no Twitter: saiba tudo sobre seu time

Do outro lado, no entanto, estará o goleiro Rogério Ceni . Apesar da má fase do rival, que falhou em dois gols nos últimos dois jogos, Renato prega respeito ao companheiro de profissão, que fez história com a camisa do São Paulo no futebol mundial.

Entre para a Torcida Virtual do seu time e convide seus amigos

“Mesmo com as dificuldades, já deu muitas voltas por cima. Eu o respeito pelo profissional que é, exemplar, com uma história muito bonita no São Paulo. E, dentro do gol, passa tranqüilidade para o seu time”, afirmou Renato, autor de cinco gols nesta temporada.

Mesmo com todo respeito, o meia promete arriscar os chutes. Seu último gol foi no empate em 1 a 1 com o Corinthians , pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, justamente em uma cobrança de falta de longa distância, que completa um mês nesta terça-feira.

"Já estou com saudade dos gols", comentou. “Quando se trata de um goleiro menos experiente, sem a bagagem do Rogério, acostumado a jogos importantes, já fica pensando nisso. Mas sempre procuro arriscar, independentemente do goleiro. É preciso tentar o gol, pois só assim poderemos sair de campo com os três pontos”, afirmou Renato.

O confronto é ainda mais importante para o Flamengo, em sexto lugar, com 13 pontos, pela colocação na tabela. A diferente entre os dois é de apenas dois pontos e o rival vem de duas derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro. O São Paulo é o vice-líder.

“Independentemente do momento dos dois times, vai ser um grande jogo. Precisamos vencer, pois o São Paulo está na nossa frente, e vamos torcer para que os outros jogos terminem empatados para que possamos encostar cada vez mais na primeira colocação”, disse Renato.

null

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.