Tamanho do texto

Seleção venceu a Costa Rica na Copa América e o resultado tirou um pouco da pressão sobre elenco

Os sorrisos se multiplicaram na seleção argentina no treino realizado no centro de treinamentos de Ezeiza, na província de Buenos Aires, o primeiro após a vitória por 3 a 0 sobre a Costa Rica e a consequente classificação para as quartas de final da Copa América.

A equipe comandada pelo técnico Sergio Batista chegou à sede da Associação do Futebol Argentino (AFA) mais tarde que o horário previsto, por volta das 5h (horário local e de Brasília) porque o voo fretado teve que atrasar a saída de Córdoba por conta das cinzas do vulcão chileno Puyehue-Cordón Caulle, que impedem o funcionamento normal dos aeroportos do país.

O atraso na chegada a Buenos Aires fez com que os jogadores realizassem um treino leve e regenerativo uma hora depois do previsto, já que a comissão técnica preferiu prolongar o descanso dos atletas. Os jogadores que foram titulares contra os costariquenhos trabalharam sem maiores exigências na academia e depois alguns optaram por um trote em volta do gramado, enquanto os reservas treinaram com bola em campo reduzido. Ao final da atividade, o grupo pôde receber familiares e nesta quarta-feira, depois do treino da manhã, terão folga até a noite, quando deverão se reapresentar na concentração.

Entre os mais sorridentes estava o atacante Sergio Agüero, que recebeu a sua família, um dia depois do acidente de trânsito sofrido por seu sogro, Diego Maradona, quando viajava acompanhado da namorada, Verónica Ojeda.

Sem jogadores lesionados, após a recuperação do volante Javier Mascherano de uma pancada sofrida no segundo tempo da partida em Córdoba, o único desfalque para as quartas de final será o atacante Ezequiel Lavezzi, que acumulou dois cartões amarelos.

"Agora começa a verdadeira Copa América. Temos que confiar em nosso potencial e seja qual for o adversário, buscaremos jogar dentro de nossas características e ganhar as partidas. A chave é ir passo a passo", declarou o volante Lucas Biglia em entrevista coletiva.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.