Tamanho do texto

Nas últimas cinco derrotas na temporada, equipe carioca levou um gol antes dos 15 minutos de jogo

O gol sofrido aos cinco minutos na derrota para o Figueirense , no último sábado, acabou irritando a torcida do Botafogo . Nervosos, os jogadores pareciam refletir o sentimento de desconfiança nas arquibancadas e o time não conseguiu a virada, sofrendo a primeira derrota no torneio no estádio Engenhão. O efeito pode variar, mas a causa tem sido quase sempre a mesma: o time carioca levou gols antes dos 15 minutos nas cinco últimas derrotas.

Leia também: Botafogo é o quarto colocado no Brasileirão. Veja a tabela atualizada

Uma das partidas que melhor exemplifica as últimas 'panes' que o Botafogo vem tendo aconteceu na eliminação da Copa Sul-Americana . Na derrota de 4 a 1 para o Santa Fé , no último dia 25 de outubro, o time de General Severiano já perdia por 2 a 0 aos oito minutos do primeiro tempo. E o padrão de sofrer gols nos primeiros 15 minutos de jogo se repetiu nas derrotas para Avaí , Santos e Atlético-GO .

Veja mais: Cortês explica postura menos ofensiva nas últimas partidas

Em desvantagem no placar, muitas vezes o Botafogo acaba errando mais as jogadas, tentando imprimir mais velocidade ao jogo. Para o lateral Cortês , o problema está no posicionamento dos adversários e do Botafogo quando o time fica atrás no placar muito cedo na partida.

Leia também: Everton treina com setor ofensivo e pode substituir Elkeson

“Não é que falta o poder de reação, o campeonato é difícil, as equipes ficam fechadas, só saindo no contra-ataque. Levar um gol no começo atrapalha um pouco isso, a torcida fica impaciente também. O Caio Júnior sempre está mostrando vídeos pra não levarmos mais os gols. Não dá pra trabalhar tanto a bola com calma, com tranquilidade, tem que se expor mais. É complicado”, analisou o jogador do Botafogo.

Leia mais: Declarações de Caio Júnior causam desconforto internamente

Já para o volante Renato , o problema está nas chances perdidas. Ele acredita que a equipe criou oportunidades nas últimas partidas, mas não conseguiu finalizar corretamente. “Claro que sair perdendo é sempre pior, a gente que sair na frente, mas acho que o problema é que nos jogos que perdemos, criamos chances e infelizmente a bola não entrou. Essa foi a diferença, o fator responsável por não termos virado”, disse o jogador do Botafogo.

Exemplos de superação podem ser vistos na campanha da equipe no primeiro turno. Contra Coritiba, Avaí e América-MG, o Botafogo saiu em desvantagem logo no começo do jogo, mas conseguiu as viradas.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Botafogo e Vasco se enfrentam neste domingo, às 19h, no estádio Engenhão, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro . O time comandado por Caio Júnior é o quarto colocado, com 55 pontos, enquanto o Vasco segue na segunda colocação, com 58.

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e comente os gols levados cedo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.