Tamanho do texto

Com gols de Loco Abreu (dois), Antônio Carlos e Herrera, time faz 4 a 0 e sobe para a 6ª posição no Brasileiro

nullDepois de seis jogos sem saber o que é perder, o Vasco perdeu a invencibilidade para o Botafogo . E a vitória alvinegra foi em alto nível. Na noite deste domingo, no Engenhão, o time de Loco Abreu , autor de dois gols, goleou por 4 a 0 - Antônio Carlos   e Herrera completaram o placar -, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Botafogo pulou para sexta posição, com 25 pontos. O próximo compromisso será sábado, em casa, diante do lanterna América-MG.

Apesar da derrota, o Vasco se manteve entre os quatro primeiros colocados, com 27 pontos. Na quinta, a equipe cruzmaltina faz sua estreia na Copa Sul-Americano. O adversário será o Palmeiras, às 21h50, em São Januário.

Homenagem a Zagallo

Antes de a bola rolar, foi feita uma homenagem a Zagallo, que completa 80 anos nesta terça. O ex-treinador deu o pontapé inicial, sendo ovacionado pelas torcidas, principalmente pelos alvinegros. O Velho Lobo marcou história em General Severiano como técnico e jogador entre os anos 50 e 80.

O jogo

Os dois times entraram em campo com formações diferentes. No Vasco, o técnico Ricardo Gomes optou por poupar Juninho Pernambucano. O craque ficou no banco de reservas, com Jumar entrando em seu lugar. A escalação do volante foi beneficiada pela contusão de Eduardo Costa, poupado com dores na coxa. No Botafogo, a surpresa foi a escalação de Lucas no lugar de Alessandro.

Com as modificações, o Botafogo teve um início mais avassalador. Aliás, não só um início - dominou todo o jogo. A equipe alvinegra dominou os primeiros minutos e seu esforço foi recompensado logo aos 9. Em cobrança de escanteio de direita, Renato colocou a bola na cabeça de Antônio Carlos. O zagueiro levou a melhor sobre Rômulo e acertou o canto direito de Fernando Prass, que pulou mas não conseguiu o impedir o gol adversário.

A resposta do Vasco veio com Alecsandro. Desta vez, Felipe cobrou escanteio da esquerda e o atacante desviou de cabeça, no chão. Jeferson se esticou todo e milagrosamente defendeu. Na sequência da jogada, Dedé forçou a jogada e cima de Marcelo Matos e recebeu o terceiro cartão amarelo.

Fágner por pouco não fez um golaço. Depois de uma bela linha de passe entre Alecsandro e Diego Souza, que foram tabelando desde a intermediária e deixaram o lateral na frente de Jeferson. A cabeçada, no entanto saiu fraca.

O Botafogo logo respondeu. E Com gol. Aos, 28 Cortês deu um passe na medida para Herrera. O Chute do atacante foi no canto esquerdo de Prass, fazendo ótima defesa. Mas, no rebote, a bola sobrou limpa para Loco Abreu, que teve apenas o trabalho de empurrar para a rede: 2 a 0.

O atacante uruguaio queria mais. E aos 38, o camisa 13 ampliou. Depois de boa jogada entre Lucas e Elkerson, Loco Abreu ficou com o rebote e emendou no canto direito de Prass: 3 a 0. A torcida, eufórica, passou a pedir “mais um”.

O Vasco voltou com Juninho Pernambucano no lugar de Márcio Careca. Mas foi o Botafogo que continuou mandando no jogo. Loco Abreu teve duas chances de marcar o quarto. No primeiro lance, Fernando Prass fez ótima defesa, no ângulo esquerdo, salvando de tapinha. Na jogada seguinte, foi a vez de o travessão impedir a goleada.

Não era uma noite vascaína. Diego Souza, craque do jogo na vitória sobre o Santos, foi expulso. O jogador, que estreou contra o alvinegro marcando gol no Campeonato Carioca, reclamou da arbitragem e foi advertido com o cartão amarelo e depois com o vermelho.

Com um jogador a mais, o Botafogo, curiosamente, tirou o pé do acelerador, mesmo com a torcida pedindo goleada. Ainda com 6 a 0 de 2010 entaladado na garganta, os alvinegros tinham sede de vingança. Mas o time de Caio Júnior apenas administrou a vitória. Com direito a "olé" nos minutos finais. Só que nos acréscimos ainda houve tempo para Herrera receber de Renato e marcar o quarto: 4 a 0.

FICHA TÉCNICA – BOTAFOGO 4 x 0 VASCO
Loca
l: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data : 7 de agosto de 2011, domingo
Horário: 18h30 (Horário de Brasília)
Árbitro : Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares : Rodrigo Pereira Jóia e Dibert Pedrosa Moisés

GOLS

Botafogo: Antônio Carlos, aos 9 minutos do primeiro tempo; e Loco Abreu, aos 28 e 38 do primeiro; e Herrera, aos 46 do segundo tempo

Cartões amarelos : Dedé, Cortês, Felipe, Jumar, Diego Souza

Cartão vermelho: Diego Souza

Renda: R$ 605.880,00
Público : presente: 26.283

BOTAFOGO: Jefferson, Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês (Márcio Azevedo); Marcelo Mattos, Renato, Felipe Menezes (Lucas Zen) e Elkeson (Cidinho); Herrera e Loco Abreu
Técnico : Caio Júnior
VASCO: Fernando Prass; Fágner, Dedé, Anderson Martins e Márcio Careca (Juninho Pernambucano); Rômulo, Jumar, Felipe (Leandro) e Diego Souza; Alecsandro e Eder Luis (Julinho)
Técnico : Ricardo Gomes

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.