Tamanho do texto

O lateral esquerdo da LDU foi reprovado nos exames médicos e o próprio atleta admitiu que a transação não será concluída

selo

O Botafogo desistiu da contratação do chileno José Rojas, da Universidad de Chile. O lateral-esquerdo era dado como reforço certo para o time carioca, mas foi reprovado nos exames médicos realizados durante a semana passada, no Rio. Nesta segunda-feira, o próprio atleta revelou, pelo Twitter, que não há mais chances de a transferência ser concluída.

Leia mais: Problema cardíaco pode melar acordo entre Botafogo e Rojas

Capitão do Universidad, Rojas comemora um dos gols da vitória contra o Flamengo pela Copa Sul-Americana
AE
Capitão do Universidad, Rojas comemora um dos gols da vitória contra o Flamengo pela Copa Sul-Americana
"Muitas emoções: os médicos não quiseram arriscar de me contratar e por isso volto para o clube da minha vida", escreveu Rojas, de 28 anos, que foi formado nas categorias de base da Universidad de Chile e só deixou o clube em 2006, para uma rápida passagem pelo Independiente, da Argentina.

Veja ainda: Oswaldo estreia com vitória do Botafogo sobre o Resende

Os exames feitos pelo Botafogo diagnosticaram uma arritmia cardíaca, que poderia encurtar a carreira do chileno. Por isso o clube carioca preferiu não arriscar, o que parece não ter chateado Rojas: "Se for para morrer, que seja com minha gente e minha camiseta", disse ele, se referindo à Universidad de Chile.

E mais: Andrezinho aprova sua estreia pelo Botafogo e arranca elogios de Oswaldo

Com a saída de Cortês, que foi para o São Paulo, a lateral esquerda se tornou a posição mais carente do elenco do Botafogo. Márcio Azevedo não passa a confiança necessária e Renan Lemos acabou de subir ao profissional. O clube deve continuar atrás de reforços.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.