Tamanho do texto

Contrato do alemão se encerra no meio do ano, ao final da temporada europeia, e não deve ser renovado

selo

A diretoria do Bayer Leverkusen expôs nesta sexta-feira a sua decepção com o meia Michael Ballack . Contratado sob grande expectativa em 2010, após passagem pelo Chelsea , o ex-capitão da seleção alemã não tem se destacado pelo clube, como reconheceu o diretor-executivo Wolfgang Holzhaeuser.

Confira a classificação do Campeonato Alemão

"Nós acreditávamos que tínhamos potencial para crescer com a sua personalidade, com sua aura. O que não aconteceu", disse Wolfgang Holzhaeuser, ao jornal Cologne Express. Ele criticou o comportamento do meia, por considerar que o jogador nem sempre agiu de acordo com o interesse do clube.

Holzhaeuser disse que ele e o diretor esportivo Rudi Voeller conversaram com Ballack , mas "infelizmente sem sucesso". O contrato do meia com o Bayer Leverkusen se encerra após o fim da temporada 2011/2012. Anteriormente, Ballack, de 35 anos, havia indicado que ele não esperava para renová-lo, mas que deseja jogar "em alto nível" por uma ou duas temporadas.

O Bayer Leverkusen também não tem o interesse em manter Ballack . "Nós já dissemos que o contrato provavelmente não será renovado", disse Holzhaeuser . "Ele ainda tem três meses pela frente. Vamos conduzir profissionalmente".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.