Tamanho do texto

Guardiola afirmou que time pode se adaptar, mas que situação do campo causa problemas ao espetáculo

Messi não conseguiu atuar em alto nível com gramado que se despedaçava
AP
Messi não conseguiu atuar em alto nível com gramado que se despedaçava

O Barcelona apresentou uma queixa formal diante da Uefa pelo mau estado do gramado de San Siro, que na quarta-feira à noite recebeu o jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões entre os espanhóis e o Milan .

Leia também: Milan e Barcelona ficam no 0 a 0 e deixam decisão em aberto na Liga

O deficiente estado do gramado foi um dos inconvenientes com os quais teve de lidar o Barça no empate sem gols diante do Milan . Os jogadores tiveram problemas para manter o equilíbrio, principalmente na parte final da partida.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Algumas informações publicadas nesta quinta-feira pela imprensa esportiva de Barcelona garantem que horas antes da partida, o Milan havia se comprometido a regar o campo para facilitar a circulação da bola, mas isso acabou não acontecendo.

Confira ainda: Milan comemora empate, mas lamenta gols perdidos

Como informou nesta quinta-feira, o clube da Catalunha apresentou uma queixa formal para o delegado da Uefa no jogo, o búlgaro Mikalai Varabyov.

Em uma reunião posterior ao jogo, o juiz incluiu a queixa em seu relatório, por isso tudo aponta para que a Uefa solicite explicações ao clube italiano.

E mais: Para Guardiola, Milan comemorar 0 a 0 é elogio ao Barça

Após o jogo, praticamente todos os jogadores do Barcelona, assim como o treinador, Pep Guardiola, queixaram-se pelo estado do campo.

"Nós sempre nos adaptamos a tudo. Viemos e jogamos, mas está claro que isso causa um problema para o espetáculo", disse Guardiola após o jogo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.