Tamanho do texto

Triunfo no Pacaembu também teve o primeiro gol de Daniel Carvalho pelo clube alviverde

Daniel Carvalho celebra seu 1º gol pelo Palmeiras
Gazeta Press
Daniel Carvalho celebra seu 1º gol pelo Palmeiras
Na noite em que Daniel Carvalho desencantou e marcou seu primeiro gol pelo Palmeiras , parecia que a festa estava armada para o meia e para a torcida palmeirense no Pacaembu. Mas o XV de Piracicaba complicou para cima do alviverde, e o time da casa teve que usar sua arma mais poderosa para vencer a equipe do interior por 3 a 2 nesta quarta-feira. Marcos Assunção , sempre ele, fez seu terceiro gol de falta no ano, deu assistência precisa e comandou mais uma suada vitória do Palmeiras pelo Campeonato Paulista . Com o triunfo, a equipe do Palestra Itália dorme na liderança do Estadual, mas ainda pode ser ultrapassada por São Paulo e Paulista, que jogam nesta quinta.

Confira a classificação atualizada do Campeonato Paulista

Além da primeira colocação, a equipe da capital manteve sua invencibilidade em 2012, já que não perdeu nenhum de seus seis jogos no ano. Com mais uma atuação de gala, Assunção agora particiou de sete dos 11 gols palmeirenses na temporada, ou seja, praticamente 63,5%. O ponto negativo ficou por conta do goleiro Deola , que falhou nos dois gols do time piracicabano e se mostrou inseguro durante boa parte do jogo (mas foi defendido por Felipão nos vestiários ). Maikon Leite também teve noite cheia de trapalhadas e irritou os torcedores.

BASTIDORES: Tirone nega “fritura”de Sampaio e diz crer na chegada de Wesley

O lateral direito Artur e o atacante Barcos também estrearam pelo Palmeiras. O ala foi mal na defesa, sua principal qualidade, mas foi à frente e marcou o gol da vitória. Já o argentino mostrou falta de ritmo e pouco conseguiu produzir entre os três zagueiros da equipe alvinegra, mas mostrou disposição e ajudou na marcação quando o Palmeiras foi pressionado, no fim do segundo tempo.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Na próxima rodada, o Palmeiras joga novamente no Pacaembu, e contra outra equipe do interior: o Ituano. A partida está marcada para as 17h (horário de Brasília) de sábado. Já o XV de Piracicaba recebe o Catanduvense no domingo, às 19h30, no Barão de serra Negra.

O jogo
A partida começou com os dois times mostrando muita vontade, principalmente nas divididas. Marcando no campo de ataque, o XV pressionava a saída de bola e obrigava o Palmeiras a dar chutões para escapar. Em uma dessas jogadas, Gerley cavou um escanteio pela esquerda. Assunção cobrou com o veneno de sempre e Patrik cabeceou bem. A torcida já tinha até gritado gol, mas a bola resvalou na zaga e saiu. Com o tempo, a equipe da casa se acertou em campo e achou o gol: Daniel Carvalho recebeu de Fernandão, passou como quis pela defesa e bateu cruzado para marcar seu primeiro com a camisa do time alviverde.

O Palmeiras continuou pressionando o adversário, e quase ampliou na sequência, após cruzamento perigoso de Maikon Leite . Mas a equipe alvinegra passou a correr atrás do prejuízo e chegou bem duas vezes, aproveitando os espaços deixados pelos alas Gerley e Artur . Atento, o goleiro Deola espalmou bem para escanteio. O camisa 22, porém, falhou aos 31 min: adiantado, ele foi encoberto pelo cruzamento de Ricardinho . Empate do XV, com a bola entrando no ângulo direito. A virada quase veio pouco depois, quando Hugo chutou forte e errou por muito pouco. Os mandantes só foram responder aos 43min, com uma bomba de Patrik. Mas os times foram mesmo com 1 a 1 para o intervalo.

POLÊMICA: Numeradas do Pacaembu tem trocas de xingamentos após vitória do Palmeiras

Arthur fez o gol da vitória do Palmeiras
AE
Arthur fez o gol da vitória do Palmeiras
Na segunda etapa, logo de cara uma cena muito comum para o torcedor palmeirense: falta na meia-lua, Assunção na batida e golaço, o terceiro do volante no Paulistão. O XV, porém, não se intimidou e foi ao ataque para tentar novo empate. Felipão contra-atacou colocando João Vítor no lugar de Patrik e promovendo a estreia do argentino Hernán Barcos, que entrou sob aplausos dos torcedores. No entanto, o argentino se mostrou sem ritmo de jogo e pouco conseguiu produzir no meio dos três zagueiros adversários. Pior: aproveitando bobeada da zaga palestrina, o atacante Hugo criou confusão na área e Maurício Ramos marcou contra.

CRÍTICAS: Felipão defende Deola e diz que escala goleiro até "sem perna"

Mas a equipe alvinegra não teve nem tempo de comemorar. Em nova cobrança de falta, Marcos Assunção cruzou com perfeição e Artur testou firme para fazer 3 a 2. O Palmeiras, no entanto, não conseguiu tranquilizar o jogo. O XV voltou a pressionar com chuveirinhos seguidos, deixando os palmeirenses de cabeça inchada após tirarem dezenas de bolas da área. Até Barcos voltou para ajudar a defesa palmeirense, em jornada pouco inspirada. Apesar da pressão, o time alviverde segurou o resultado até o final e manteve a invencibilidade em 2012, dormindo na liderança do Paulistão.

FICHA TÉCNICA - Palmeiras 3 x 2 XV de Piracicaba
Campeonato Paulista - 6ª rodada
Local : Estádio do Pacaembu, em São Paulo-SP
Data : 8 de fevereiro de 2012, quarta-feira
Horário : 21h50 (horário de Brasília)
Público : 7.778 torcedores
Renda : R$ 237.331,00
Árbitro : Rodrigo Braghetto
Assistentes : Carlos Augusto Nogueira Júnior e Rogério Pablos Zanardo
Cartões amarelos : Maikon Leite (PAL); Gláuber, Marcus Vinícius e Alex Cazumba (XVP)

GOLS :
PALMEIRAS: Daniel Carvalho, aos 15 minutos do primeiro tempo, e Marcos Assunção, aos 2, e Artur, aos 27 minutos do segundo tempo
XV DE PIRACICABA: Ricardinho, aos 31 minutos do primeiro tempo, e Maurício Ramos (contra), aos 26 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS : Deola; Artur, Maurício Ramos, Henrique e Gerley; Márcio Araújo, Marcos Assunção, Patrik (João Vítor) e Daniel Carvalho (Chico); Maikon Leite e Fernandão (Barcos) Técnico : Luiz Felipe Scolari

XV DE PIRACICABA : Gílson; Everton, Toninho e Marcus Vinicius; André Cunha (Marlon), Adílson Goiano, Gláuber (Savóia), Ricardinho e Alex Cazumba; Paulinho (Adílson) e Hugo Técnico : Moisés Egert

Ajude o Palmeiras a aumentar sua torcida virtual