Tamanho do texto

Contratações são anunciadas, mas jogadores demoram a assinar contrato com o clube mineiro

O Cruzeiro contratou nove reforços para a temporada 2012. A reformulação no elenco foi grande, assim como a movimentação na sala de imprensa do clube para apresentar tantos jogadores. Mas, em alguns casos, a burocracia tem atrasado a assinatura do contrato e a primeira entrevista coletiva dos novos contratados.

O volante Marcelo Oliveira é um exemplo desse atraso. O atleta vinha treinando na Toca da Raposa II desde o início da pré-temporada, no dia 4 de janeiro, mas só foi apresentado na última quarta-feira . A imprensa chegou até mesmo a especular que o Corinthians , clube que detinha os direitos do jogador, estivesse atrapalhando o negócio por conta da "novela Montillo" .

"A CBF estava fechada e precisávamos da documentação. A rescisão já havia sido feita com o Corinthians, mas precisávamos do registro na CBF. O Corinthians não dificultou em nada sua liberação. O Duílio (Monteiro Alves, diretor de futebol do Corinthians) já tinha me dito que não dificultaria a liberação do Marcelo por conta da negociação com o Montillo", explicou o diretor de futebol do Cruzeiro, Dimas Fonseca.

Na última quinta-feira foi a vez do atacante Walter , que já tinha visitado a Toca da Raposa no início de janeiro e falado como jogador do clube mineiro, ter sua situação resolvida. A justificativa para a demora está no Porto, de Portugal, que seria muito meticuloso na elaboração dos contratos. "O Porto é cheio de preciosidades, fixa-se em detalhes pequenos do contrato que não estamos tão acostumados. Eles não passam por cima disso. Se eles fixam que tem que fazer seguro, eles têm que colocar no contrato o percentual do seguro", exemplificou o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares.

Jackson treina na Toca, mas ainda não foi apresentado
Frederico Machado
Jackson treina na Toca, mas ainda não foi apresentado
O atacante espera trabalhar dobrado para recuperar os dias perdidos. "Vou treinar mesmo quando não houver treino. Preciso recuperar esses dias perdidos e vou correr muito para isso", ressaltou o novo atacante cruzeirense.

Somente um dos reforços já confirmados ainda não foi apresentado. Trata-se do lateral Jackson , que estava na Major League Soccer . A documentação na liga norte-america seria diferente dos padrões brasileiros. "O Jackson não podemos apresentar enquanto não tivermos toda a documentação. Não posso apresentar sem contrato assinado. Jackson vem da liga americana. A forma de contrato é diferente dos nossos modelos. Mas temos um advogado internacional que está providenciando a documentação", disse Dimas Fonseca.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e comente a burocracia nas apresentações

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.