Tamanho do texto

A apresentadora Hebe, presidente do Corinthians não esconde afeição por presidente da CBF

O presidente do Corinthians , Andrés Sanchez, deixou claro em entrevista à apresentadora Hebe que mantém estreitas relações com Ricardo Teixeira, presidente da CBF. Se colocando como “vítima” de acusações sem provas, como o chefão do futebol brasileiro, o mandatário corintiano reclamou da visibilidade e da inveja que cargos de poder no futebol causam "nas pessoas".

Andrés Sanchez esteve em programa com Hebe
Bruno Winckler
Andrés Sanchez esteve em programa com Hebe

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

"Sou amigo dele (Ricardo Teixeira) e eu acho que o que exageram no que dizem. O justo é procurar justiça. É muito simples atacar sem provas. O maior crime no Brasil é ser pessoa pública. O país é hipócrita e ocupar cargos importantes causa muita inveja nas pessoas. Quero sair desse meio o quanto antes. O preço que se paga é muito caro", disse Andrés, que se colocou contra os recentes protestos de torcidas contra o presidente da CBF.

Entre para a torcida virtual do Corinthians

Em entrevista comandada por Hebe, mas com a presença da ex-jogadora de vôlei Ana Moser e da apresentadora Ellen Jabour, Andrés relembrou o episódio em que chamou os dirigentes da Globo de "gângsters", na época em que discutia um novo contrato de TV sem a chancela do Clube dos 13.

"Como todo mundo sabe houve o rompimento do clube dos 13, e uma reunião comRecord, Rede TV e Globo para negociar os direitos de televisão. Eu falei que negociar com a Globo era como negociar com gângster porque eu quero o maior valor possível para o meu clube e eles querem dar o menor valor possível. É da negociação e é assim que funciona. Mas aí um X-9 do São Paulo divulgou a fita em que só aparece eu falando gangster, fora do contexto", ficou nisso aí. Andrés acusa o diretor são-paulino João Paulo Jesus Lopes de ter divulgado o vídeo da reunião no Clube dos 13 para o jornalista Juca Kfouri. "Ficou só a versão do alcaguete", resmungou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.