Tamanho do texto

Jogador é cobiçado pelo São Paulo e tem vontade de voltar a jogar no Brasil após sete anos na Ucrânia

AE
Jadson quer voltar ao Brasil e espera ser lembrado por Mano Menezes para voltar à seleção
Na próxima semana, o São Paulo pode ter o meia que Juvenal Juvêncio tanto deseja. O empresário de Jadson, Marcelo Robalinho, informou que viajará para Ucrânia na segunda-feira e tentará fazer com que o Shakhtar Donetsk abra mão do jogador para defender a equipe do Morumbi.

"No dia 9.1.12 chegarei a Donetsk com o Jadson para reunião com o presidente do time. Até lá, sem novidades", escreveu Robalinho em seu Twitter, avisando que está em Paris, na França, e, por isso, não prosseguirá com as negociações por enquanto.

Veja a movimentação do mercado da bola do futebol brasileiro

Jadson fará força para convencer os dirigentes. Já existe um acordo entre o jogador e o São Paulo e ele estará na Ucrânia para tratar pessoalmente do assunto em busca da liberdade para atuar na equipe do Morumbi.

O meia, que chegou a ser titular da seleção brasileira no primeiro semestre de 2011, está na Ucrânia desde quando foi negociado pelo Atlético-PR , há quase sete anos. Seu desejo é retornar a seu País até para voltar a ser lembrado por Mano Menezes.

Tricampeão ucraniano e campeão da Copa Uefa pelo Shakhtar, Jadson tenta usar seu histórico no clube para ter como recompensa o aval de retornar ao Brasil. Se conseguir, é mais um candidato a ser o meia armador que o São Paulo procurar desde a saída de Danilo, no fim de 2006.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.