Gonzalo Plata
Reprodução/Instagram
Gonzalo Plata

O Ministério Público da Espanha pediu oficialmente nesta quarta-feira a prisão provisório por seis meses do craque da seleção equatoriana Gonzalo Plata , que atualmente joga no Real Valladolid , clube espanhol comandado por Ronaldo Fenômeno. Recentemente, ele teve o nome ligado ao Flamengo .

O caso remete a um acidente de trânsito em que o jogador se envolveu no centro da cidade espanhola, na madrugada de 8 de dezembro de 2021. De acordo com as investigações, o carro do Plata atingiu violentamente um taxista, o que fez com que o passageiro fosse arremessado, enquanto o motorista teve que ser socorrido pelos bombeiros pela janela do veículo. Felizmente, os afetados sofreram ferimentos leves e apenas hematomas.

Ainda segundo a investigação e as testemunhas, o atacante atravessou um cruzamento quando o semáforo estava vermelho e com uma velocidade superior à permitida naquela via pública. Para piorar, o teste do bafômetro realizado pela Polícia de Valladolid confirmou que Gonzalo Plata tinha 0,6 g/l de álcool no sangue, quando o limite estabelecido é de 0,5 g/l. 

Além da prisão, o Ministério Público pede uma compensação financeira para as vítimas.

Vale lembrar que o jogador foi oferecido ao Flamengo na última janela de transferências. Porém, o rubro-negro não tentou a contratação do jogador, que se destacou pela seleção equatoriana em um jogo contra o Brasil.

Plata , aliás, ainda não sabe onde jogará a próxima temporada. Isso porque, o Valladolid não decidiu se exercerá a opção de compra de 10 milhões de euros (valor equivalente a R$ 60,5 milhões) junto ao Sporting.

Em entrevista nessa semana, o equatoriano pediu a Ronaldo , também dono do Cruzeiro , para seguir na Espanha. "Espero que o presidente ( Ronaldo Nazário) faça algo para eu ficar, já lhe pedi. Quero ficar aqui (Valladolid). Sou acarinhado por todos. Mas não depende de mim", afirmou o jogador à Cadena SER, um dia após o clube espanhol subir de divisão e garantir o retorno a La Liga.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários