A camisa 24 só não tem dono no Brasil
LUCAS FIGUEIREDO/CBF
A camisa 24 só não tem dono no Brasil

Nesta Copa América, a camisa 24 só não tem dono no Brasil. Todas as demais seleções possuem um jogador com o número nas costas. Procurada, a CBF informou que não tem uma explicação para a numeração pular de 23 para 25. O detalhe foi revelado pelo UOL.


A decisão não passa pela  Conmebol, organizadora do torneio, que permitiu a inscrição de 28 atletas. Com isso, obrigou a numeração a passar do 23, número tradicional em competições oficiais

A camisa 23 pertence ao goleiro Ederson. Em seguida, vem o volante Douglas Luiz, que usa a 25. Em convocações anteriores, já utilizou a 8 e a 18.

Dos jogadores convocados, apenas Gabigol utilizou a 24, mas não na seleção. Em 2020, o camisa 9 do Flamengo trocou de número na final do Carioca, contra o Resende, em homenagem ao ex-jogador Kobe Briant, e em campanha contra a homofobia.

O último episódio ligado ao assunto no futebol brasileiro foi no Corinthians. O então diretor de futebol e hoje presidente, Duílio Monteiro Alves disse "24 aqui não" no meio da apresentação de Cantillo. O jogador usava o número no Júnior Barranquilla, da Colômbia. Duílio classificou a própria fala como "brincadeira infeliz". Menos de um mês depois de ser apresentado, Cantillo foi a campo com o número 24.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários