Lance

Felipe Melo
Reprodução/Instagram
Felipe Melo


O departamento jurídico do Palmeiras  conseguiu, nesta segunda-feira (14), a absolvição do volante Felipe Melo , que foi denunciado ao STJD após a partida contra o Vasco , que ocorreu no dia 08 de novembro.



A procuradoria entendeu que o jogador havia agredido Léo Matos, atleta do Cruzmaltino, em lance descrito como uma “chave de braço”. A punição, caso necessária, poderia variar entre quatro e 12 jogos. O tribunal, porém, não acatou à denúncia e, com isso, o jogador foi absolvido.



A defesa palmeirense alegou que o lance não poderia ser revisto pelo tribunal, por não se tratar de um “lance grave”, dado que o atleta vascaíno continuou a partida normalmente. Sendo assim, a decisão de campo deveria ser mantida, de acordo com o artigo 58-B: “as decisões disciplinares tomadas pela equipe de arbitragem durante a disputa de partidas, provas ou equivalentes são definitivas, não sendo passíveis de modificação pelos órgãos judicantes da Justiça Desportiva ”.

A maioria dos auditores, então, concordaram com o lado alviverde, entendendo que a intensidade da jogada não justificava a aplicação da “excepcionalidade do artigo 58-B”, como declarou Miguel Cançado. Desta forma, o jogador não terá de cumprir qualquer suspensão.

Felipe Melo chegou ao Palmeiras em 2017 e foi campeão brasileiro em 2018 com o Verdão. Na temporada atual, o jogador era titular da equipe, mas, no confronto contra o Vasco, sofreu uma fratura no tornozelo e, com isso, deve desfalcar o Alviverde até o final da temporada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários