Tamanho do texto

Com dois gols de jovem atacante Evaníson, Tricolor faz 2 a 1 em Itaquera e garante vaga na Copa Sul-Americana

Jovem Evanílson marcou peo Fluminense contra o Corinthians arrow-options
Eduardo Carmim / Photo Premium / Agencia O Globo
Jovem Evanílson marcou peo Fluminense contra o Corinthians

O Fluminense contratou oito atacantes e utilizou 16 ao longo da temporada, mas novamente a base foi quem mais entregou. Primeiro foi João Pedro com a ascensão meteórica, depois Marcos Paulo garantindo a permanência na Série A e agora foi a vez de Evanilson brilhar e ajudar a garantir a última vaga na Copa Sul-Americana.

→  Confira como ficou a classificação final do Campeonato Brasileiro

Com dois gols da revelação de Xerém, o Fluminense venceu o Corinthians por 2 a 1 em Itaquera — Gustagol desconcou — e terminou o Campeonato Brasileiro em 14º lugar, com 46 pontos.

Artilheiro do Brasileiro sub-20 e do Carioca sub-20 em 2019, Evanilson praticamente não teve chances nos profissionais mesmo com 20 anos. Havia jogado apenas 20 minutos em dois jogos até ser titular pela primeira vez como profissional contra o Corinthians. Com contrato até fevereiro de 2020, o atacante ainda negocia uma renovação e terá reunião decisiva nesta semana. Enquanto isso, mostrou que poderia ter sido melhor aproveitado.

Com o Fluminense cheio de desfalques, Evanilson ganhou uma chance no ataque e não decepcionou. Em um time mais solto e sem pressão, o jovem atacante precisou de apenas sete minutos para fazer seu primeiro gol como profissional, antecipando-se à zaga após cruzamento de Nenê. E o melhor estava por vir.

Aos 27, após confusão na área, Evanilson marcou um belo gol ao surpreender Cássio. O Fluminense dominava o meio de campo e jogava bem, mas relaxou após abrir 2 a 0. Sorte que o Corinthians pouco criou e não assustou até o intervalo.

O Fluminense voltou pior para o segundo tempo e passou a sofrer mais na defesa. Gilberto até perdeu uma grande chance em contra-ataque, mas foi o Corinthians quem diminuiu com Gustagol de cabeça, subindo mais que Igor Julião, aos 17.

Inoperante, o Tricolor passou a ser pressionado e foi salvo pelo VAR, que ajudou a anular um pênalti aos 31 - houve falta em Nino na origem do lance. E segurou-se bravamente até o apito final para se despedir de 2019 com uma vitória e a vaga na Copa Sul-Americana como prêmio de consolação em uma temporada para esquecer.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS x FLUMINENSE

Estádio  : Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data-hora : 8 de dezembro de 2019, às 16h
Árbitro  : Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)
Assistentes  : Alex dos Santos (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
Quarto árbitro  : Vinicius Furlan (SP)
VAR  : Braulio da Silva Machado (Fifa/SC)
Assistentes do VAR  : William Machado Steffen (SC) e Kleber Lucio Gil (Fifa/SC)
Público/Renda : 36.072 pagantes/36.316 presentes/R$ 1.771.788,90
Gramado  : Bom.
Cartão amarelo  : Gil (COR), Igor Julião, Evanilson e Nenê (FLU)

GOLS  : Evanilson, 7'/1ºT (0-1), Evanilson, 27'/1ºT (0-2), Gustagol, 17'/2ºT (1-2)

CORINTHIANS  : Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Carlos Augusto (Lucas Piton, Intervalo); Gabriel, Júnior Urso (Jadson, Intervalo) e Mateus Vital; Janderson, Vagner Love e Mauro Boselli (Gustagol, 13'/2ºT). Técnico : Dyego Coelho.

FLUMINENSE  : Marcos Felipe; Gilberto, Nino, Luccas Claro e Igor Julião; Yuri, Caio Henrique, Daniel (Miguel, Intervalo) e Nenê; Marcos Paulo (Wellington Nem, 38'/1ºT) e Evanilson (Pablo Dyego, 37'/2ºT). Técnico : Marcão.

    Leia tudo sobre: Futebol