Tamanho do texto

O Fluminense empatou com o Cruzeiro e Paulo Henrique Ganso acabou dando uma dura em João Pedro, mas amenizou a situação após a partida

Lance

Durante o empate em 0 a 0 com o Cruzeiro, na noite de quarta-feira, Paulo Henrique Ganso voltou a se desentender com quem convive no Fluminense durante uma partida. O meia, que discutiu asperamente com o então treinador do Flu Oswaldo de Oliveira, contra o Santos, trocou farpas com o jovem atacante João Pedro no Mineirão. Após a partida, porém, ele colocou panos quentes na situação.

Leia também:  Após briga feia com Ganso, Oswaldo de Oliveira é demitido do Fluminense

Ganso arrow-options
Reprodução/Twitter
Ganso discutiu com João Pedro



- Eu procuro ajudar da melhor maneiro. Isso é para ajudar o João Pedro. Faço de tudo em campo pela equipe. Dentro do jogo não dá para pedir por favor. O jogo estava quente, isso é normal. Eu converso com ele sempre fora de campo - disse Ganso .

O técnico Marcão seguiu a mesma linha de pensamento do camisa 10 e evitou aumentar a polêmica sobre o caso.

Leia também: Cambistas são presos com ingressos de jogos de Fluminense e Flamengo no Maracanã

- Não vi, não participei da situação. Mas era jogo quente, jogo pesado. Algumas discussões são normais de acontecer. Torcida do Cruzeiro incentivando a equipe. Em alguns momentos não dá para pedir por favor. Ganso já viveu muita coisa. O João Pedro é inteligente sabe que em alguns momentos vai ter uma chegada mais forte - afirmou o treinador.

    Leia tudo sobre: Futebol