Tamanho do texto

Fluminense alia bom desempenho a resultado, faz 3 a 1 sobre os uruguaios no Maracanã e pode enfrentar Corinthians nas quartas de final

Lance

Marcos Paulo marcou dois gols e o Fluminense venceu o Peñarol arrow-options
Alexandre Cassiano / Agência O Globo
Marcos Paulo marcou dois gols e o Fluminense venceu o Peñarol

Se no Brasileirão o Fluminense amarga uma sequência de sete jogos sem vitória, na Sul-Americana vai tudo muito bem, obrigado. Com dois de Marcos Paulo e um de Yony, o Tricolor fez 3 a 1 no Peñarol-URU, na noite desta terça-feira, acumulou um placar agregado de 5 a 2 no confronto, e avançou para as quartas de final da competição. Viatri, em um lance isolado, descontou para os uruguaios.

Nas quartas de final, o Fluminense tem boas chances de fazer um duelo brasileiro contra o Corinthians, já que os paulistas venceram o Montevideo Wanderers por 2 a 0 na primeira partida, e decidem a classificação na próxima quinta-feira, no Uruguai. Pelo Brasileiro, o Tricolor visita o Atlético-MG no próximo sábado, às 21h, em Belo Horizonte.

Os gols de Marcos Paulo foram os primeiros dele como profissional do time carioca.

XERÉM DÁ AS CARTAS!

As luzes do Maracanã ainda acendiam quando o Flu desceu para o ataque com Igor Julião. O lateral-direito, em sua segunda partida seguida como titular, com direito a pedalada, avançou para cima da marcação e colocou com a mão na cabeça de Marcos Paulo. O jogador de 18 anos cabeceou no contrapé de Dawson, que ficou estático. Era o 1 a 0 da tranquilidade tricolor.

O DONO DO CONFRONTO

Autor de dois gols no jogo de ida, Yony atacou novamente. Aos 25, o “Speedy” recebeu um passe de calcanhar mágico vindo de Pedro, e invadiu a área pela direita. Com a bola quicando, o camisa 11 pegou na veia, cruzado, e estufou as redes uruguaias.

FLUZÃO POR MÚSICA

Com grande vantagem no placar agregado, o Fluminense atacava com tranquilidade e criava chances, principalmente com Julião, pela direita. O terceiro gol, porém, nasceu pela canhota. Com uma tacada de bilhar, Ganso quebrou as linhas uruguais, achou Caio Henrique dentro de área, que bateu cruzado. Dawson não segurou e Marcos Paulo chegou para conferir, marcando seu segundo gol na noite.

SÓ PARA CHATEAR

Com 3 a 0 no placar e a classificação assegurada, e buscando melhorar sua situação no Brasileiro, o time carioca diminuiu o ritmo e fechou-se atrás. Com isso, o Peñarol avançou e conseguiu uma falta na entrada da área. Na cobrança de Los Santos, a bola bateu na barreira, voltou para o cobrador, que soltou o pé e acertou o travessão. No rebote, Viatri ficou sozinho e completou sem goleiro, fazendo o de honra dos uruguaios.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3 X 1 PEÑAROL

Data/Hora : 30/07/2019, às 21h30 (de Brasília)
Local : Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro : Patricio Loustau (ARG)
Auxiliares : Gabriel Chade (ARG) e Pablo Gonzalez (ARG)
VAR : Facundo Tello (ARG)
Gramado : Bom
Público pagante e presente, e renda : 31.820, 35.071 e R$ 1.278.355,00
Cartões Amarelos : Ganso, Marcos Paulo, Bruno Silva (FLU); Cristian Rodríguez, L. Viatri, Formiliano, Canobbio (PEN)

GOLS : Marcos Paulo 01’/1ºT, (1-0) Yony González 25’/1ºT (2-0), Marcos Paulo 3’/2ºT (3-0)

FLUMINENSE
Muriel; Igor Julião, Nino, Digão e Caio Henrique; Allan, Daniel (Dodi, 48'/2ºT) e Ganso (Bruno Silva, 31'/2ºT); Marcos Paulo, Pedro e Yony González (Pablo Dyego, 39'/2ºT). Técnico: Fernando Diniz

PEÑAROL :
Dawson; Gio González, Formiliano, Martínez e Rojo; Ignácio Lores (Acevedo, 38'/2ºT) Jesús Trindade, Walter Gargano (Los Santos, 20’/2ºT) e Brian Rodríguez; Cristian Rodríguez (Canobbio, intervalo) e Lucas Viatri. Técnico: Diego López

    Leia tudo sobre: Futebol