Tamanho do texto

Sábado de clássicos nos Campeonatos Paulista e Carioca: até então invicto, Palmeiras perde na Arena Corinthians e Flamengo leva goleada do Tricolor

Rodriguinho marcou o primeiro gol do Corinthians em cima do Palmeiras pelo Paulistão
Reprodução
Rodriguinho marcou o primeiro gol do Corinthians em cima do Palmeiras pelo Paulistão

O Timão recebeu o Palmeiras pela nona rodada do Campeonato Paulista e o primeiro Dérbi do ano. Apesar de líderes do grupo A, os donos da casa vinham de três partidas sem vitória. Já os visitantes, apesar de dois empates seguidos, eram até então os únicos invictos do Paulistão.

Leia também: "Neymar exagera na encenação e vê-lo jogar pela TV me irrita", afirma adversário

O jogo começou equilibrado e os erros das defesas fez com que ambas as equipes tivessem chances de chegar perto do gol. Aos 19, Tchê Tchê foi impedido por Cássio de abrir o placar para o Palmeiras. O Verdão tentou aproveitar os passes errados do Corinthians , mas em uma bela jogada, Rodriguinho driblou Borja e Antônio Carlos e colocou a bola no fundo da rede, abrindo o placar para o Timão com um um golaço aos 39 minutos.

Com Gustavo Scarpa na volta do intervalo, o Palmeiras entrou na busca do empate e quase conseguiu com Borja aos 9 minutos do segundo tempo, mas foi impedido por Cássio. Aos 15, o árbitro Raphael Claus marcou pênalti de Jaílson em cima de Renê Junior e ainda expulsou o goleiro do Palmeiras. Lucas Lima saiu para a entrada de Fernando Prass no gol, que contou com o erro de Jadson, que na cobrança, bateu pra fora.

Scarpa quase empatou aos 21, mas Cássio fez a defesa e aos 34, Prass impediu o Timão de ampliar o placar e defendeu o chute de Mateus Vital. Logo em seguida, Rodriguinho foi derrubado por Dudu dentro da área. Na cobrança de pênalti, Clayson marcou o segundo do Corinthians e fechou o placar em 2 a 0.

Leia também: Policial morre em confronto com torcedores antes de partida da Liga Europa

Flamengo x Fluminense

Marcos Junior foi responsável por dois gols do Fluminense
Reprodução
Marcos Junior foi responsável por dois gols do Fluminense

Em Cuiabá, Fluminense e Flamengo disputaram o primeiro clássico da Taça Rio. Campeão da Taça Guanabara , o Rubro-Negro estava com um time misto, já que poupou alguns dos seus principais jogadores. Já o Flu, entrou em campo na Arena Pantanal na tentativa de se manter bem depois de vencer o jogo da primeira rodada por 4 a 0, depois de um começo de temporada não muito bom.

Logo no primeiro minuto de bola rolando, depois de uma falha da defesa do Fla, Marcos Junior aproveitou a sobra sozinho com Diego Alves e abriu o placar para o Tricolor carioca. O Flamengo deu a resposta logo em seguida, mas para a sorte de Julio Cesar, a bola de Marlos parou na trave. O Flu continou pressionando e dificultando para o rival, até que aos 17 minutos, Pedro ampliou a vantagem após cobrança de escanteio de Sornoza.

Vinicius Junior bem que tentou diminuir o placar, mas o chute saiu por cima do gol. Em seguida, o Flamengo se manteve tentando buscar espaço para fazer sua primeira marcação, mas acabou vendo Gilberto fazer a terceira do Fluminense antes do intervalo, 3 a 0.

Aos 10 minutos do segundo tempo, Gilberto cruzou e Marcos Junior marcou seu segundo gol da partida e deixou o placar em 4 a 0 para o Fluminense. O Tricolor seguiu dominando o jogo e não deixou chances para que o Flamengo pudesse encontrar espaço. Aos 31, Pedro quase marcou o quinto, mas Diego Alves fez uma grande defesa. Aos 38, Cuellar fez falta em Pablo Dyego, recebeu o segundo amarelo, sendo expulso e deixando as coisas ainda mais complicadas para o Fla, que não conseguiu fazer muito até o apito final.

Leia também: Conmebol anuncia final da Libertadores em jogo único a partir de 2019

Outros jogos

Além das vitórias do Corinthians no Paulistão e Fluminense no Carioca, ainda na competição do Rio de Janeiro, Macaé e Bangu empataram em 2 a 2. No Campeonato Mineiro, Cruzeiro venceu o Boa Esporte por 3 a 0 e no Baiano, o Bahia de Feira fechou o placar em 3 a 0 em cima do Vitória da Conquista.

    Leia tudo sobre: futebol