Tamanho do texto

O arqueiro Wallace estava emprestado ao Guarani pelo Vitória. Ele estava de folga após ter ficado no banco do time na vitória sobre o Água Santa.

O goleiro Wallace , do Guarani , faleceu neste sábado após sofrer um acidente na Rodovia dos Bandeirantes (SP-438). O jogador capotou o veículo que dirigia por volta das 14h perto da cidade de Limeira, no interior do estado de São Paulo.

Leia também: Ex-atacante da seleção, Warley é esfaqueado durante assalto em João Pessoa

Goleiro Wallace em treinamento pelo Guarani
DIVULGAÇÃO/GUARANI
Goleiro Wallace em treinamento pelo Guarani

Wallace tinha 22 anos e estava viajando para Ribeirão Preto, onde iria ficar com a família durante o final de semana. Ele estava de folga dos trabalho no clube após o Guarani ter vencido o Água Santa por 3 a 0. Na partida, o arqueiro ficou no banco de reservas e não entrou em campo.

O goleiro chegou ao Guarani emprestado pelo Vitória, com recomendações de Vagner Mancini, técnico da equipe baiana. 

De acordo com a consessionária que administra a rodovia, o carro capotou, atravessou o canteiro central da rodovia e foi parar no sentido oposto. O acidente ocorreu no quilômetro 140 da via, próximo da Luiz de Queiroz (SP-304). Wallace estava acompanhado de Guilherme Bruno de Freitas, de 23 anos, que sofreu ferimentos leves e foi encaminhado à Santa Casa de Limeira.

Segundo a Polícia Rodoviária, Guilherme declarou que o goleiro perdeu o controle do veículo, mas não soube explicar o motivo. Nenhum outro carro se envolveu no acidente.

Leia também: Zagueiro do Grêmio morre afogado no interior do RS

Nota Oficial

Veja, abaixo, a nota divulgada pelo Guarani em seu site oficial:

"Com profundo pesar, o Guarani Futebol Clube informa e lamenta o falecimento do goleiro Wallace Ribeiro Barato. Wallace era goleiro do Guarani e chegou ao Bugre no início do ano, por empréstimo, junto ao Vitória-BA. O goleiro, de 22 anos, faleceu neste sábado (27) vítima de um acidente de carro no KM 140, da Bandeirantes, sentido Limeira.

“O Guarani Futebol Clube lamenta profundamente o ocorrido e coloca-se inteiramente à disposição dos familiares e amigos. Não existem palavras para expressar o que estamos sentindo. Deus haverá de trazer o conforto”, afirmou o presidente Palmeron Mendes Filho.

Leia também: Ex-médico que abusava de ginastas é condenado a até 175 anos de prisão

O Guarani por meio de seu Conselho de Administração externa os sentimentos à família e aos amigos. O futebol está de luto. Descanse em paz, Wallace!"

    Leia tudo sobre: Futebol