Tamanho do texto

Aeronave com 77 pessoas se acidentou quando se aproximava de seu destino, em Medellín, onde time enfrentaria o Atlético Nacional de Medellín.

BBC

Avião com time catarinese sofreu acidente nesta terça-feira na Colômbia
undefined
Avião com time catarinese sofreu acidente nesta terça-feira na Colômbia

Momentos antes de embarcar em São Paulo rumo à Bolívia, onde faria escala para a Colômbia, um dos dirigentes da Chapecoense aparece em um vídeo em que dizia se tratar da "viagem mais importante' para a equipe.

VEJA AINDA:  Avião da Chapecoense cai na Colômbia; 71 morrem e só seis sobrevivem

"(Viagem) mais importante (do clube) até agora. A cada ano que passa a gente vai conseguindo marcar a história do clube e a gente espera que possam novamente", afirma Cadu Gaúcho.

A ida à cidade colombiana de Medellín para a final da Copa Sul-Americana coroaria uma temporada de glória para o time da pequena cidade de Santa Catarina, de apenas 200 mil habitantes.

O conto de fadas, no entanto, acabou em tragédia.

Reprodução/Twitter
"A aeronáutica e o Itamaraty já foram acionados", informou o Temer, sobre o acidente com o avião da Chapecoense.

Na madrugada desta terça-feira (29), um avião com a equipe da Chapecoense sofreu um acidente em uma área montanhosa de difícil acesso, a 50 km da Medellín. Havia 77 pessoas a bordo, dos quais 69 passageiros e 8 tripulantes. Vinte e dois eram jornalistas. Relatos indicam que o avião teria sofrido uma pane elétrica.

VEJA AINDA:  A trágica morte de campeão russo de xadrez que caiu de prédio ao praticar parkour

Segundo informações da imprensa local, há 71 mortos. Cerca de 150 socorristas estão envolvidos no trabalho de resgate das vítimas.

'Primeira divisão'

Foi apenas em 2013 que a Chapecoense chegou pela primeira vez à Série A do Campeonato Brasileiro, após um empate de 1 a 1 contra o Bragantino. Na atual temporada, a equipe está em 9º lugar, à frente de times tradicionais, como São Paulo, Fluminense e Cruzeiro.

Na semana passada, a equipe conseguiu mais um feito inédito em sua história: avançou à final da Copa Sul-Americana contra o Atletico Nacional, da Colômbia, depois de vencer o San Lorenzo, da Argentina. Foi a primeira vez em três anos que um time do Brasil chegou à final de um torneio continental.

A partida desta quarta-feira foi suspensa pela Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) devido ao acidente.

Trajetória de sucesso

Fundada em maio de 1973, a Associação Chapecoense de Futebol conquistou seu primeiro título estadual quatro anos depois. Neste ano, a equipe venceu o Campeonato Catarinense pela quinta vez. Foi uma vez campeão da Copa Santa Catarina e vice em outras três ocasiões. Além disso, ganhou duas vezes da Taça Santa Catarina.

Chapecoense encara Junior Barranquilla pela Copa Sul-Americana
PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK/DIVULGAÇÃO
Chapecoense encara Junior Barranquilla pela Copa Sul-Americana

Os últimos anos, porém, foram os mais prolíficos para a equipe. Além de chegar à primeira divisão em 2013, o clube disputou dois torneios continentais (2015 e 2016) e chegou a cinco das últimas dez finais do Campeonato Catarinense.

E MAIS:  Acidente com avião que levava Chapecoense para final da Copa Sul-Americana

Antes disso, a Chapecoense foi a 3ª colocada tanto na Série D de 2009 quanto na Série C de 2012, e a 2ª colocada na Série B de 2013.

É considerada um dos cinco grandes clubes de Santa Catarina, ao lado de Avaí, Criciúma, Figueirense e Joinville.

    Leia tudo sobre: futebol