Tamanho do texto

Cratera foi feita para realização da cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos e tem 6,5 metros de comprimento, 4 metros de largura e aproximadamente 2 metros de profundidade

Ao que tudo indica, Flamengo e Fluminense terão que esperar mais um pouco para mandarem seus jogos do Campeonato Brasileiro no Maracanã. Uma imagem aérea feita pelo repórter Emerson Rocha, da Rádio Globo, mostra um imenso e surpreendente buraco no centro do gramado, o que impossibilita a volta imediata dos clubes ao estádio carioca.

E mais:  Camaronês Eto'o reclama de racismo e é afastado por clube turco

Maracanã está com um buraco no centro do gramado
Twitter/Rádio Globo
Maracanã está com um buraco no centro do gramado

A cratera foi feita para realização da cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos e tem 6,5 metros de comprimento, 4 metros de largura e aproximadamente 2 metros de profundidade.

Os trabalhos para cobrir o buraco e recolocação de grama ainda nem começaram. A previsão inicial é de que o Maracanã esteja apto a receber jogos de futebol a partir da segunda quinzena de outubro, mas esse prazo pode ser maior caso o sistema de drenagem não fique pronto, já que também foi prejudicado com essa obra feita pelos organizadores do Rio 2016.

    Leia tudo sobre: Futebol