Tamanho do texto

Fora de casa, equipe alvinegra superou os gaúchos com gol do volante ainda no primeiro tempo e agora torce contra o Palmeiras para se manter líder

Jogadores do Corinthians comemoram gol sobre o Internacional
ROBERTO VINICIUS/ESTADÃO CONTEúDO
Jogadores do Corinthians comemoram gol sobre o Internacional

Voltando ao time titular após oito rodadas, o volante Elias mostrou que pode ser um dos pilares do novo sistema tático do Corinthians implantado por Cristóvão Borges, que trocou o esquema 4-2-3-1 pelo tradicional 4-4-2. O jogador, que herdou a vaga de Rodriguinho, deu maior consistência ao meio de campo da equipe paulista e ainda marcou o gol da vitória sobre o Internacional por 1 a 0, neste domingo à tarde, no Beira-Rio, levando o time paulista aos 33 pontos no G4 do Brasileirão.

LEIA MAIS:  Vitor Bueno volta a ser decisivo, Santos vence Cruzeiro e encosta no topo

Já o Internacional, que segue sem vencer sob o comando de Paulo Roberto Falcão, aumentou o seu jejum para nove jogos, sendo que acumula sete derrotas e dois empates neste período. Assim, estacionou nos 21 pontos e segue sem conseguir se distanciar da zona do rebaixamento.

Demorou 15 minutos para a movimentação do ataque paulista ter seu primeiro lampejo de bom futebol. Romero abriu pela esquerda e tentou acionar Elias, que entrava livre na área do Inter, mas a bola acabou batendo em André e deixando o volante em impedimento.

Mesmo jogando fora de casa, o Corinthians comandou as ações e conseguiu abrir o placar. Giovanni Augusto e Romero fizeram rápida troca de passes dentro da área e criaram espaço para a chegada de Elias, que bateu colocado da entrada da área, tirando de Marcelo Lomba.

Na primeira etapa o Inter deixou a bola com o Corinthians, mas não conseguiu acertar um bom contra-ataque. A única boa oportunidade veio com Valdívia, que aproveitou uma bola escorada por Ariel para exigir uma defesa de Cássio.

Na volta para o segundo tempo, Falcão fez duas mudanças. Nico López e Eduardo Sasha entraram nos lugares de Valdívia e Vitinho respectivamente.

As trocas deram mais velocidade ao jogo. Mas, se sobrava transpiração aos jogadores, faltava inspiração. As duas equipes tentavam explorar jogadas pelas laterais, no entanto falhavam na hora de encontrar um jogador para empurrar a bola para o fundo das redes.

Por duas oportunidades, Luciano e Romero perderam a chance de ampliar o marcador, mas o Corinthians segurou com relativa tranquilidade a tentativa de pressão do Inter e assim somou mais três pontos na luta pelo título.

A equipe paulista volta a campo na próxima quarta-feira, quando enfrenta o Atlético-PR, às 21h45, na Arena da Baixada, em Curitiba. André, suspenso após receber o terceiro cartão amarelo é um desfalque certo para Cristóvão Borges. Já o Internacional voltará a lutar para encerrar o seu jejum na quinta, às 21 horas no Independência, em Belo Horizonte, diante do desesperado vice-lanterna Cruzeiro.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 0 x 1 CORINTHIANS

INTERNACIONAL - Marcelo Lomba; Ernando, Paulão, Leandro Almeida e Artur; Fabinho, Anselmo (Jair), Seijas e Valdívia (Nico López); Vitinho (Eduardo Sasha) e Ariel. Técnico: Falcão.

CORINTHIANS - Cássio, Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique, Elias (Rodriguinho), Giovanni Augusto (Danilo) e Marquinhos Gabriel; Romero e André (Luciano). Técnico: Cristóvão Borges.

GOL - Elias, aos 42 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Elmo Alves Resende Cunha (GO).

CARTÕES AMARELOS - André, Yago, Paulão e Ariel.

PÚBLICO - 30.098 pagantes.

RENDA - R$ 883.835,00.

LOCAL - Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.