Tamanho do texto

Contrato terá validade de dois anos e custará cerca de 1,3 milhão de euros por temporada, com bônus no caso de classificação da Azzurra para a Copa do Mundo de 2018

O treinador Giampiero Ventura fechou contrato com a Federação Italiana de Futebol (Figc) e será o novo técnico da seleção italiana após a Eurocopa, informaram fontes à ANSA nesta segunda-feira (06).

Giampiero Ventura fechou com a Itália por dois anos
Ansa
Giampiero Ventura fechou com a Itália por dois anos

De acordo com as informações obtidas, os detalhes econômicos sobre o contrato foram finalizados por telefone com o presidente da Figc, Carlo Tavecchio, e amanhã (07) será realizado o anúncio oficial.

Leia

Uruguai diz que troca de hinos na Copa América foi "ofensa" e "erro grotesco"

Estreia de Ancelotti no Bayern será contra City de Guardiola, em Munique

O contrato terá validade de dois anos e custará cerca de 1,3 milhão de euros por temporada, sem incluir um possível bônus financeiro no caso de classificação da Azzurra para a Copa do Mundo de 2018, que será realizada na Rússia.

O valor fechado com o ex-técnico do Torino é inferior àquele acordado com o atual treinador, Antonio Conte, porque aquela contava com a participação da Puma, que patrocina a equipe.

Conte deixará a seleção para treinar o Chelsea após a competição europeia.
Apesar da última temporada pelo Torino ter sido fraca em desempenho, Ventura foi o responsável por reerguer a equipe e subi-la para a série A em 2011 - e mantê-la até hoje no principal campeonato do país. Sua experiência como técnico iniciou em 1976, na Sampdoria, após uma carreira com pouco sucesso como meio-campista.

Apesar de treinar equipes há 40 anos, nunca chegou ao comando dos maiores times da Itália, circulando por equipes de pequeno e médio porte nas séries A e B do futebol italiano.