Tamanho do texto

Atacante atuou pela última vez no dia 18 de abril, quando entrou aos 15 minutos do segundo tempo na vitória por 2 a 0 sobre o São Bernardo, no Allianz Parque

Estadão Conteúdo

Lesão na coxa direita tirou o atacante dos gramados por um mês
ALAN MORICI/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO/DIVULGAÇÃO
Lesão na coxa direita tirou o atacante dos gramados por um mês

O Palmeiras  conta com um importante reforço para a sequência da temporada. Recuperado de uma lesão na coxa direita, que o afastou dos gramados por um mês, o atacante Dudu pode ser a novidade na partida contra a Ponte Preta, sábado, às 16 horas, em Campinas, e assim, acabar com a ansiedade que tem afligido o jogador nas últimas semanas.

Leia

Diego Aguirre deixa o Atlético-MG após eliminação na Libertadores

Ronaldo vê com desconfiança novo Código de Ética da CBF para seus dirigentes

Dudu atuou pela última vez no dia 18 de abril, quando entrou aos 15 minutos do segundo tempo na vitória por 2 a 0 sobre o São Bernardo, no Allianz Parque. Antes, já com dores, participou de clássico contra o Corinthians, fez o gol da vitória por 1 a 0 e acabou agravando a contusão. A partir daí, encarou uma disputa quase diária com os preparadores físicos e médicos do Palmeiras, já que o jogador demonstrou muita ansiedade para retornar aos gramados.

"É ruim ficar de fora. Eu sou um cara que gosto de jogar todas as partidas e ajudar meus companheiros. Talvez o meu excesso de vontade tenha atrapalhado um pouco, mas, graças a Deus, estou recuperado e não vejo a hora de atuar novamente”, disse o atacante, que participou de um jogo-treino contra o Juventus na última segunda-feira.

Artilheiro do Palmeiras no ano passado com 16 gols, Dudu teria, em condições normais, sua vaga garantida como titular no time de Cuca. O problema, porém, é que o Palmeiras vem de uma grande atuação na vitória por 4 a 0 sobre o Atlético-PR, com Róger Guedes se destacando. Ele é o mais cotado para sair da equipe em caso de retorno do antigo titular. Por isso, o treinador pode deixar Dudu como opção no banco de reservas.

Nesta quinta-feira, Cuca deve fazer um trabalho tático, mostrando o time que vai levar a campo. A tendência é que ele repita a formação que derrotou os paranaenses na primeira rodada do Brasileirão, mas tendo Dudu como uma opção de luxo no banco de reservas.